O Governo do Piauí decidiu antecipar a aplicação da segunda dose da vacina AstraZeneca contra a Covid-19, de 12 para 10 semanas entre as doses. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), a medida foi aprovada pela Comissão Intergestora Bipartite (CIB), composta por membros da Sesapi e do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems). 

A orientação da Sesapi é de que as pessoas que tenham recebido a primeira dose da vacina procurem a Secretaria de Saúde do município para saber se a data foi alterada e como proceder para receber o reforço.

"A vacinação antecipada é uma recomendação e condicionada ao município possuir os imunizantes em estoque. Consulte o calendário do seu município aravés do canais de sua Prefeitura", informou. 






Ver essa foto no Instagram










Uma publicação compartilhada por Secretaria de Estado da Saúde (@saudegovpi)

Outros estados como Rio de Janeiro, Santa Catarina, Acre, Roraima, Goiás, Pernambuco, Espírito Santo, e Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal também comunicaram que irão encurtar o prazo entre a primeira e segunda doses do imunizante fabricado pela Fiocruz