mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Piauí vai começar a vacinar idosos com mais de 90 anos

O quantitativo a ser enviado é de 36.800 doses pelo Ministério da Saúde

A Secretaria de Estado da Saúde anunciou  a previsão de chegada de novas doses da vacina contra a Covid-19 da Sinovac/Butantan nos próximos dias. O Ministério da Saúde, em nota técnica, comunicou a continuidade da vacinação dos trabalhadores de saúde e ampliação do público alvo com a inclusão dos idosos com 90 anos ou mais. O quantitativo a ser enviado é de 36.800 doses pelo Ministério da Saúde, que optou por ampliar a população utilizando os critérios de riscos de agravamento, óbito pela Covid-19 e de vulnerabilidade social.

Sesapi anunciou a chegada de novas doses  da vacina contra covid-19 - Foto: DivulgaçãoSesapi anunciou a chegada de novas doses  da vacina contra covid-19 - Foto: Divulgação

Até o momento, mais de 40 mil trabalhadores de saúde foram contemplados, com a primeira dose, nas remessas anteriores da vacina Sinovac/Butantan e Oxford/AstraZeneca. No primeiro momento, foi pactuado que a prioridade era vacinar os trabalhadores de saúde da linha de frente da Covid-19, como aqueles que atuam em UTIs e enfermarias de pacientes com o novo coronavírus, emergências e todos os funcionários que atuam em unidades exclusivas para atendimento Covid, seguindo para outras áreas hospitalares e para a atenção primária de acordo com a realidade da rede de saúde de cada município.

O secretário de Saúde, Florentino Neto, explicou que as realidades dos municípios são distintas, assim como as redes assistenciais. “Há locais que já estão vacinando a atenção primária e já completaram a linha de frente da Covid-19, as UTIs, emergências e, com isso, a recomendação é continuar avançando em outras estratégias para proteção dos trabalhadores de saúde.  É importante priorizar aqueles que estão diretamente mobilizados na assistência aos pacientes da Covid-19 e planejar as outras áreas, de acordo com a disponibilidade das doses que estão sendo enviadas de forma gradativa pelo Ministério da Saúde", disse. Com essas novas doses, será possível atingir 73% dos trabalhadores da saúde e vacinar 12.132 idosos com mais de 90 anos.

Vacina contra covid-19 produzida pelo ButantanVacina contra covid-19 produzida pelo Butantan

O Comitê de Operações Emergenciais orientou que a segunda dose da vacina do Butantan deve ser feita com 28 dias e da Oxford/AstraZeneca com 12 semanas. De acordo com o superintendente de Atenção Básica, Herlon Guimarães, estudos técnico-científicos apontam sobre a importância de que seja aplicado o mesmo imunobiológico na primeira e segunda dose. “ O Piauí tem observado essa orientação ao fazer a opção de guardar a segunda dose na Rede de Frio para posterior distribuição. Por isso, de todas as remessas recebidas ate agora no estado, são distribuídas a quantidade necessária apenas para a primeira dose”, reitera.


Piauí vai receber mais de 36 mil novas dosesPiauí vai receber mais de 36 mil novas doses

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail