Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Wellington Dias garante retomada de setores com 50% da capacidade

De início, três setores serão beneficiados: Construção civil, saúde e lojas de peças automotivas, e terão que firmar um pacto e obedecer a uma série de regras

Compartilhe

Em coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira, 08 de junho, o governador Wellington Dias (PT) assinou o decreto que prorroga o isolamento social e anunciou o planejamento da flexibilização das atividades econômicas no Piauí, após as pesquisas sanitárias evidenciarem uma redução na taxa de transmissibilidade para abaixo de 1, como o recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Os primeiros setores a serem contemplados com a flexibilização, são: construção civil, saúde, e de peças automotivas. Porém, a abertura não será imediata, os empresários terão que firmar o pacto com a adoção de várias medidas. 

Divulgação

"Estamos prorrogando as medidas de isolamento social, vamos endurecer na fiscalização, vamos intensificar as operações para assegurar o isolamento, caiu muito o isolamento social. Estamos estabelecendo o Pacto pela retomada, criando o Comitê Pro-Piauí, que é composto por especialistas, autorizando o Pro-Piauí a trabalhar estes três setores: saúde, construção civil e peças automotivas, mas vai abrir  tudo  imediatamente? Não,  tem que fazer os  exames, garantir a higienização, tem todas as regras e vamos avaliar semanalmente, segunda dia 15  vamos ter nova reunião", disse.

Os empresários deverão responder a um questionário que será disponibilizado pelo Poder Executivo, garantindo a adesão ao protocolo. De início as empresas do ramo com mais de cinco funcionários poderão atuar apenas com 50% da capacidade. 

Assista a coletiva na íntegra: 


"Cada um trabalha com a responsabilidade do seu Estado, em alguns a pandemia chegou primeiro, no caso do Piauí todos estes setores representam cerca de 80 mil pessoas; estamos autorizando começar com 50%, tirando as pequenas até 5  empregados, que podem começar com todos, as outras vão começar pela metade, são cerca de 45 mil que vão começar", disse. 

A reabertura só será garantida quando o proprietário firmar o protocolo com o Governo, e garantir o cumprimento de todas as regras dispostas, dentre as quais estão a higienização do ambiente e o distanciamento mínimo dentro do estabelecimento, evitando aglomerações. 

"Terão que responder ao questionário e dizer sim ao protocolo, se tem até 20 funcionários tem um conjunto de regra, se tem mais de 20 são mais regras, é mais complexo, tem que garantir as condições do cumprimento de regras porque se tiver infecção naquele estabelecimento, pode haver o fechamento. Estamos colocando a condição do exame clínico e nós vamos ajudar aos pequenos para poder viabilizar", concluiu.

PLANO DE RETOMADA DO GOVERNO NA ÍNTEGRA


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar