Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Após briga com a esposa, homem sai para caminhar e anda 420 km

Segundo os policiais, o homem foi levado à delegacia, onde havia uma notificação de “pessoa desaparecida” registrada por sua esposa.

Compartilhe

Um homem italiano de 48 anos, residente na cidade de Como, na Itália, pode ter acabado de bater um tipo de recorde mundial: saindo para “refrescar a cabeça” após uma discussão doméstica com sua esposa, acabou caminhando 420 quilômetros durante uma semana inteira. As informações são do Mega Curioso.

E, antes que alguém possa contestar o recorde, dizendo que também tem esposa, e chegou a dar uma volta ao mundo, vamos esclarecer um detalhe sobre o marido italiano: depois que deixou a casa, após a acalorada discussão, ele não parou de andar por um minuto sequer.

Ele teria continuado caminhando, quem sabe até através do mar Adriático em direção à Croácia, não fosse uma viatura policial que o parou, em Fano, cidade que fica a 420 quilômetros de sua residência. Segundo os policiais, o homem estava “vagando sem rumo” às duas da madrugada.

Após briga com a esposa, homem sai para caminhar e anda 420 km

As explicações e a longa volta para casa

Policiais patrulhavam as ruas de Gimarra, um bairro de Fano, para garantir o cumprimento do toque de recolher imposto na Itália, quando se depararam com a versão italiana de Forrest Gump. Após a abordagem, o homem foi levado à delegacia, onde havia uma notificação de “pessoa desaparecida” registrada por sua esposa.

Foi quando o magoado marido abriu o seu coração: ele disse que brigou com a mulher uma semana antes e, saindo para dar uma voltinha a fim de refrescar a cabeça, acabou andando sem parar, não usando nenhum meio de transporte. Como se afastou quase 420 quilômetros, isso representa uma média de caminhada de 60 quilômetros por dia.

Depois de ouvir o relato emocionado, inclusive de como ele sobreviveu com comida e bebida oferecida por pessoas gentis no caminho, a polícia resolveu liberá-lo, não sem uma multa de 400 €, cerca de R$ 2,5 mil, e notificar a sua esposa. Os policiais ainda providenciaram um quarto em um hotel local, onde ele passou a noite até que sua esposa viesse resgatá-lo.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar