Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Bizarro: Casal se acorrenta por três meses para testar o amor dos dois

O objetivo do casal é estar literalmente lado a lado em todos os momentos. Isso inclui dormir, tomar banho e, obviamente, ir ao banheiro juntos.

Um casal ucraniano decidiu colocar o amor à prova, entrelaçando as mãos em uma grossa corrente de ferro – por um período de três meses. A decisão de Alexander e Viktoria veio no Dia dos Namorados, 14 de fevereiro. À data, ambos viajaram para Kiev, onde acorrentaram as mãos diante de um representante do registro nacional de registros da Ucrânia. As informações são do Fatos Desconhecidos.

O objetivo do casal é estar literalmente lado a lado em todos os momentos. Isso inclui dormir, tomar banho e, obviamente, ir ao banheiro juntos. “Com isso, queremos bater um recorde”, disse Alexander à mídia ucraniana. “Há uma corrente que nos mantêm unidos e todos os elos foram soldados. O link final da corrente está fechado com o selo do registro nacional de registros”.


O jovem casal revelou aos meios de comunicação da Ucrânia que está confiante e que pode, tranquilamente, passar os três meses acorrentados em paz. Em contrapartida, “caso mudem de ideia e queiram romper com a decisão, os ucranianos precisam de alguém que tenha uma ferramenta especial para cortar a corrente”, disse Vitaly Zorin, de Registro nacional de registros da Ucrânia.

Para o profissional, tanto Alexander quanto Viktoria estavam perfeitamente cientes em relação ao experimento romântico. O ato de acorrentar as mãos foi realizado na presença de Zorin e de um soldador, em frente à Estátua da Unidade, em Kiev. O local, desde então, tornou-se um símbolo de comprometimento do casal.

Para demonstrar se o experimento dará certo ou não, os ucranianos, ao longo dos três meses que estiverem acorrentados, irão documentar nas redes sociais todo o processo. O primeiro desafio que o casal enfrentou assim que entrelaçaram as mãos à corrente ocorreu logo depois de selarem o objeto, quando ambos estavam retornando a casa e Viktoria sentiu uma súbita necessidade de utilizar o banheiro.

O casal já publicou diversas fotos e vídeos registrando algumas tarefas cotidianas, as quais estão se revelando desafiadoras diante da atual situação. De acordo com os registros, ambos têm que se planejar diariamente para revezar e, assim, executar as ações que julgam primordiais. Embora o casal esteja confiante, muitos usuários das redes sociais não acreditam que os ucranianos sejam capazes de durar três meses acorrentados um ao outro.




Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push
<