Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Bizarro! Marido abre a barriga de grávida para conferir o sexo do bebê

Pannalal foi preso sob acusação de tentativa de assassinato.

Compartilhe

Um indiano de 43 anos, que já tem cinco filhas, abriu a barriga da própria esposa grávida para se certificar do sexo do bebê depois que um líder religioso tinha dito que a mulher esperava outra menina, segundo uma acusação da família da vítima. O caso sinistro ocorreu na noite de sábado (19), em Budaun, na Índia. As informações são do Extra.

De acordo com um reportagem local  "Times of India", a mulher, de 35 anos, que está no quarto mês de gestação, foi levada às pressas para ser submetida a cirurgia em hospital de Nova Délhi, a capital do país, o segundo mais populoso do mundo. Ela e o bebê sobreviveram, embora o estado de saúde da mãe seja grave, por causa da grande perda de sangue.

Marido abre a barriga da própria esposa para descobrir sexo do bebê (Reprodução)

O marido, identificado apenas como Pannalal, tentou convencer a esposa, Anita Devi, a fazer um aborto, já que queria ter um menino. Como ela se recusou, ele usou uma navalha para cortar a barriga da mulher a fim de tirar a prova. O sexo do bebê que ela espera não foi informado. O útero não foi atingido pela lâmina.

"Meu cunhado sempre batia na minha irmã por ela só dar à luz meninas. Nossos pais já intervieram em várias ocasiões, mas ninguém podia imaginar que ele pudesse fazer algo tão cruel", disse Ravi Kumar Singh, irmão da gestante. "Havia sangue por todo lado", acrescentou.

Pannalal foi preso sob acusação de tentativa de assassinato. De acordo com estudo de entidade de direitos humanos sediada em Nova Délhi, a Índia tem uma das taxas mais elevadas de feticídio feminino no mundo. , conforme relatou reportagem da "Newsweek". Abortos seletivos por gênero são comuns na Índia, onde o nascimento de meninos é preferível ao de meninas.




Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar