Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Corrimento vaginal pode indicar doenças

A vagina tem seu próprio lubrificante natural

Slide 4 de 4
Compartilhe

ISTs

O corrimento pode vir de doenças como a tricomoníase. Trata-se de uma doença sexualmente transmissível (DST) causada pelo protozoário Trichomonas vaginalis. O corrimento, no caso da tricomoníase, é amarelo-esverdeado e tem um odor forte, lembrando o cheiro de peixe. Além do corrimento propriamente dito, outros sintomas são o ardor e a dor ao urinar e durante o ato sexual. O tratamento também é feito com remédios antifúngicos.

Gonorreia e Clamídia também são outros exemplos. Essas são outras duas DSTs relativamente comuns. Ambas são causadas por bactérias, respectivamente, Neisseria gonorrhoeae e Chlamydia trachomatis. Elas, porém, além de apresentar um corrimento anormal, amarelo turvo, e sintomas como ardência e dor, tendem a causar infecção no colo do útero, a chamada cervicite. Para o tratamento de ambas as doenças, o ginecologista deve prescrever tratamentos à base de antibióticos.

Há ainda alguns tipos de corrimentos que também são, relativamente normais, e indicam, por exemplo, alguma fase do momento reprodutivo da mulher.

Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar