Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Ex-chefe da segurança espacial de Israel afirma que aliens existem

Em entrevista publicada nesta terça-feira, dia 8, o general aposentado de 87 anos disse que essa organização — supostamente conhecida por seu país e os Estados Unidos já há algum tempo — teria optado em continuar com os tais segredos porque "a humanidade ainda não está pronta".

Compartilhe

Ex-chefe da segurança espacial de Israel, Haim Eshed disse ao jornal "Yediot Aharonot" que alienígenas não só existem como também já fizeram acordos com os Estados Unidos, dos quais o presidente Donald Trump teria ciência e vontade de revelar à população. No entanto, nenhuma prova para suas alegações foi apresentada, nem mesmo sobre a suposta "Federação Galáctica", que seria a responsavel por manter contato com os seres extraterrestres.

Em entrevista publicada nesta terça-feira, dia 8, o general aposentado de 87 anos disse que essa organização — supostamente conhecida por seu país e os Estados Unidos já há algum tempo — teria optado em continuar com os tais segredos porque "a humanidade ainda não está pronta".

Cena do filme 'A Chegada" (Foto: divulgação)

O professor falou sobre supostos acordos das criaturas e os EUA, numa empreitada para conhecer a "estrutura do universo". A história vai além: haveria uma base subterrânea em Marte, com humanos e outros seres.

Diante de tal abordagem, Eshed mostrou-se firme em sua convicção que o presidente norte-americano estaria ciente sobre a cooperação intergaláctica. O israelense contou inclusive que era da intenção de Trump revelar as atividades da organização, mas teria sido impedito para nao causar "histeria em massa", pois a humanidade precisaria "evoluir".

"Se eu tivesse pensado no que estou dizendo hoje, cinco anos atrás, teria sido hospitalizado", afirmou, segundo o "The Jerusalem Post", explicando que decidiu contar a historia dos alienígenas pelo cenário acadêmico atual e por ser respeitado na academia, sem mais "nada a perder"

"Recebi meus diplomas e prêmios; sou respeitado em universidades no exterior, onde a tendência também está mudando", acrescentou.

Seu livro mais recente, "O universo além do horizonte — conversas com o professor Haim Eshed", publicado em novembro, fala de como como os alienígenas teriam prevenido apocalipses nucleares.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar