Dmitry Muratov, editor-chefe do jornal independente russo "Novaya Gazeta", leiloou nesta segunda-feira (20) por US$ 103,5 milhões a medalha de ouro do Prêmio Nobel da Paz que recebeu em 2021, em benefício das crianças refugiadas da guerra na Ucrânia.

A renda da venda da medalha, que foi adquirida por telefone por um comprador não identificado, será remetida à agência de ajuda humanitária do Unicef para crianças ucranianas deslocadas, de acordo com a Heritage Auctions, que realizou o leilão.

Venda da moeda será revertida em benefícios de crianças da Ucrânia. (Foto:  AP Patric Semansky)Venda da moeda será revertida em benefícios de crianças da Ucrânia. (Foto:  AP Patric Semansky)

Foi uma venda cheia de entusiasmo, com muitos aplausos e participantes elevando seus lances entre si para aumentar o total. Muratov foi visto gravando vídeos da tela do leilão e dos participantes. Quando a oferta final foi feita, dezenas de milhões de dólares maior do que a anterior, muitos na sala ficaram perplexos, incluindo o jornalista.