Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Rinoceronte-branco em risco de extinção nasce em parque na Disney

A cria deve ser introduzida ao rebanho de rinocerontes-brancos do Animal Kingdom nas próximas semanas.

Compartilhe

O parque temático Animal Kingdom, da Disney, presenciou um nascimento histórico dentro de suas instalações. Após 16 meses de espera, os amantes da vida selvagem puderam celebrar o parto de um filhote de rinoceronte-branco, uma espécie considerada em extinção há algumas décadas. As informações são do Mega Curioso.

Ainda sem nome, a “pequena” criatura nasceu com 68 kg e saiu da barriga da primeira rinoceronte-branca nascida no parque em 1999, Kendi. Durante as últimas semanas, a criatura tem recebido toda a atenção veterinária possível para se recuperar da gestação e poderem aparecer perante ao público.

Os rinocerontes-brancos do Animal Kingdom

A nova mamãe Kendi passou a sua vida inteira dentro do parque temático da Disney em Orlando, nos Estados Unidos. O nascimento do filhote foi anunciado pela administração do local no dia 25 de outubro, segundo o USA Today. Essa é a 11ª vez que um rinoceronte-branco nasceu nas instalações do resort.

Rinoceronte-branco em risco de extinção nasce em parque na Disney

Em seu comunicado para a imprensa, a Disney garante que o par tem sido observado de perto por especialistas. Como os rinocerontes são uma espécie de animal habituada a viver em bandos, mãe e filhote tem aproveitado seu tempo livre para descansar e criar laços afetivos ainda mais fortes.

Ainda de acordo com o parque de diversões, a cria deve ser introduzida ao rebanho de rinocerontes-brancos do Animal Kingdom nas próximas semanas. Essa é considerada uma etapa fundamental para que os recém-nascidos adquiram traços de bom comportamento e socialização com o bando.

A extinção dos rinocerontes-brancos

Em diversos locais do mundo, os rinocerontes-brancos vêm sofrendo com a ação cruel da humanidade, sobretudo de caçadores e invasões agrícolas. Na Ásia, existe uma crença de que o chifre da espécie seja capaz de curar diversas doenças, tornando-os um enorme alvo para a indústria de medicamentos.

No sul da África, a espécie chegou a ser considerada extinta por muitos pesquisadores, mas recuperou-se graças aos reabilitadores da vida selvagem do parque de Hluhluwe Imfolozi em KwaZulu-Natal, na África do Sul.

É graças aos conservadores da natureza, aliás, que a população de rinocerontes-brancos subiu de 50 espécimes no final dos anos 1800 para mais de 17 mil no fim de 2011. A expectativa é de que famílias como as de Kendi e seu filhote, no Animal Kingdom, façam parte da reconstrução desses animais na natureza.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar