Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Tecnologias que funcionaram e as que decepcionaram em 2020

Das videoconferências aos aplicativos de exercícios físicos, o melhor da tecnologia nos ajudou a enfrentar um ano difícil; mas também houve pontos baixos

Slide 1 de 7
Compartilhe

Chamadas de vídeo

Sem dúvidas, 2020 foi difícil. Mais do que nunca, neste ano nos voltamos à tecnologia para encontrar alívio, cuidar da saúde e manter conexão com as pessoas com quem nos importamos. Aplicativos de conversa por vídeo, como Zoom e Google Meet, se tornaram ferramentas de trabalho essenciais. Depois que as academias de ginástica fecharam, aplicativos de atividades físicas também se tornaram produtos indispensáveis. Bicicletas e patinetes elétricos, que no passado foram fonte de frustração, encontraram seu momento quando as pessoas buscaram alternativas ao transporte público e aos aplicativos de transporte. Ainda assim, muitas tecnologias nos decepcionaram.

Antes da pandemia, muitos de nós abominávamos reuniões em chamadas de vídeo. Pouca gente sabia como desligar os microfones quando não estivesse falando. E a transmissão de imagem e som ficava frequentemente cortada e atrasada.

“Está me ouvindo agora?”

Então, nos primeiros momentos da pandemia, o Zoom ganhou as manchetes, por motivos bons e ruins. Centenas de milhões de nós, desesperados para manter o contato com amigos e colegas de trabalho, nos registramos no serviço de videoconferência para levar ao mundo virtual reuniões, salas de aula, happy hours e aulas de ioga. Mas, com o aumento de popularidade do Zoom, notamos muitas falhas de segurança, entre outros problemas.

Houve um lado bom nas falhas do Zoom: elas criaram a necessidade de alternativas mais seguras.

Ao longo dos anos mais recentes, muitos aplicativos de videoconferência melhoraram significativamente. O Google fez importantes atualizações no Meet, possibilitando conversas de vídeo com centenas de participantes; a Microsoft (Teams) e a Cisco (Webex) também estão renovando suas ferramentas de conversa por vídeo. Além disso, o Zoom corrigiu alguns problemas de segurança.

Nesse ritmo, é provável que muita gente continue a usar as videoconferências para realizar muitas tarefas, mesmo quando a vida voltar a ter alguma normalidade.


Slide 1 de 7
Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar