Confira dicas para sentir prazer no sexo anal com o parceiro

Simone, da dupla com Simaria, revela que não conseguiu.

Durante a participação no programa "Conversa com Bial", da TV Globo, a sertaneja Simone, da dupla com Simaria, relembrou a questão polêmica (e muito comum) que fez no "Altas Horas", sobre como facilitar o sexo anal para quem recebe a penetração. Na ocasião, ela perguntou para a sexóloga Laura Muller como era possível receber penetração anal sem sentir dor.

Dica de sexóloga para sexo anal

A recomendação de Laura foi tentar a prática em um momento do sexo em que ela já estivesse bastante excitada. Segundo a sexóloga, é importante fazer muitas preliminares antes de partir para a penetração do ânus.

"Dói muito", diz sertaneja

Após Bial relembrar o ocorrido e mostrar o vídeo da pergunta, Simone dá sua conclusão sobre o assunto: "Olha, quem quiser 'dar a roda', tranquilo, faça o que quiser. Mas é um sofrimento desgraçado. Não existe técnica, pode ter a Vaselina que for", disse a cantora, bem-humorada, sobre um produto comumente usado como lubrificante.

Melhor posição

Bial seguiu no assunto e tentou aconselhar a cantora, que ainda gostaria de saber mais dicas para ter sucesso na prática. "Dizem que os melhores conselhos a esse respeito, sexo anal, estão no livro de João Ubaldo Ribeiro, 'A Casa dos Budas Ditosos'", falou o apresentador. Em seguida, as cantoras começaram a ler um trecho da obra e logo Simone discordou de um dos conselhos: "De quatro? Você está maluco. João Ubaldo, você está errado, colega".

Cuidados para fazer sexo anal

Antes de mais nada, é essencial, assim como em outras formas de sexo (penetração e oral, por exemplo), usar camisinha na penetração anal. Outro ponto muito importante é dispensar anestésicos, pois eles tiram muito da sensibilidade tanto do ânus como do pênis, o que pode levar a uma penetração muito mais agressiva, que causará machucados.

Fazer ou não sexo anal?

É importante refletir primeiro se a vontade em fazer sexo anal está partindo de você, dee suas curiosidades e vontades sexuais, ou de um mero sentimento de culpa e obrigação em agradar o parceiro.

Também questione até que ponto vale insistir na prática se ela não estiver sendo prazerosa. Se você tentou algumas vezes e sente muita dor, talvez não seja uma boa ideia continuar praticando. O casal deve conversar para encontrar a melhor forma de gerar prazer para ambos.

Porém, se você sente vontade de fazer a prática até o final, existem muitas dicas que podem ajudar:


Lubrificante

Como a região do ânus não apresenta lubrificação natural, como no caso da vagina, é indicado o uso de lubrificantes à base de água, para facilitar a penetração sem irritar o local.

Nunca use um produto com anestésico, pois a dor é um sinal importante de quando a penetração está profunda demais e pode causar danos à saúde. Sem ela, a mulher pode ficar muito machucada. Além disso, o efeito ocorre também no pênis do parceiro, que pode aplicar mais força sem perceber.

Lubrificantes à base de óleo ou petróleo também não são indicados, já que comprometem a integridade do preservativo.

Introdução

Se a sua decisão for seguir em frente, a sexóloga Carla Cecarello dá dicas que podem ajudar no processo e conta que não é incomum a mulher sentir dor na penetração anal, principalmente na primeira vez.

Antes de partir para as vias de fato, peça para o parceiro introduzir o dedo, com a ajuda de um lubrificante se quiser, para ajudar no relaxamento e na adaptação.

"Diga para ele tocar a entrada do ânus e espere a contração, sem afastar o dedo. Em seguida, os músculos irão relaxar novamente. Neste momento, é preciso introduzir um pouco mais e esperar uma nova contração. Fazendo isso repetidas vezes, aos poucos, é possível chegar lá sem dor. Lembre-se de continuar com beijos e carícias, para esquentar mais o clima", orienta Carla.

Posições

A posição menos dolorosa para a mulher inexperiente é a de lado (“conchinha”), porque o ânus fica mais relaxado. "Algumas mulheres preferem a posição de quatro para serem penetradas por trás. Mas vale lembrar que, nela, o ânus fica mais aberto, e o homem consegue fazer uma penetração profunda", fala a sexóloga.

Dedo ou acessórios

Se você sente prazer na região anal, mas tem dor com a introdução do pênis, há outras formas de ser estimulada. O parceiro pode usar o dedo para tocar os arredores e entrada do ânus, introduzindo-o levemente, até o ponto em que você se sentir confortável.

Outra opção é usar brinquedos eróticos específicos para esta prática, como o plug anal, ou mesmo um pênis de borracha de menor espessura, que não causará incômodo.

Fonte: Com informações do Bolsa de Mulher