Saiba qual a carícia dá prazer aos homens e eles têm medo de pedir

Eles acabam afastando as chances de garantir mais liberdade.

Preconceito, insegurança e falta de informação são as peças que normalmente constroem tabus relacionados ao sexo. São elas também que, invariavelmente, acabam afastando as chances de garantir mais liberdade e prazer nas relações.

Exemplo claro disso é uma carícia que dá extremo prazer aos homens, mas que raramente é admitida: o toque na região anal.

Prazer anal: por que pode ser prazeroso para o homem?

Não existe diferença física entre o ânus do homem e da mulher. Portanto, se elas são capazes de sentir sensações agradáveis na região, o mesmo pode acontecer normalmente com eles.

A questão é muito mais psicológica e social. Muitos homens ainda acreditam que sentir prazer no ânus indica homossexualidade, um equívoco que beira à ignorância, pois as terminações nervosas presentes na área são bastante sensíveis e, consequentemente, fonte de grande excitação. O fator, portanto, é físico.

O grande tabu

Carícias com as mãos ao redor do ânus, beijos, toques com a língua – o chamado beijo grego – e até mesmo a introdução de dedo e brinquedos eróticos podem ser prazerosos aos homens e não estão relacionados a uma ou outra orientação sexual.

Os homens ainda têm medo de pedir carícias na região anal por insegurança pessoal ou mesmo por receio da reação da parceira. Mas como ninguém além do casal deve ditar o que é “certo” ou “errado” em uma transa, se livrar de preconceitos e realizar experimentações ainda são as melhores maneiras de sempre ser feliz e satisfeito no sexo.


Fonte: Com informações do Bolsa de Mulher