Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Ator Roberto Portela leva o estilo vegano aos palcos

Sua primeira apresentação aconteceu em 2019 e a receptividade do público foi muito boa. Agora, ele tem um convite para levar Vegana para o Rio de Janeiro

Ator Roberto Portela  leva o estilo vegano aos palcos
Roberto Portela | Divulgação
Compartilhe

Ser vegano é um estilo de vida, afinal optar por alimentos que não contenham carnes, leite e derivados do leite, ovos e derivados do ovo, mel ou qualquer outro produto que seja de origem animal é uma prática que exige dedicação e esforço. Observar essas pessoas foi o que fez o ator e músico piauiense Roberto Portela, que se inspirou na temática para compor uma personagem para lá de animada. Trata-se de Vegana.

Ela é divertida e tem no novo estilo de vida sua bandeira de luta, passando por situações engraçadas e que levarão o público a muitas gargalhadas. No palco irreverência e muito humor, proposta de um projeto descontraído que teve estreia ainda no ano passado.

Foi assim que surgiu o espetáculo Vegana: a história da vida humana. Uma comédia com todo o requinte de ironia e alegria. O texto de autoria de Fábio Cristian, direção de Chiquinho Pereira e interpretação de Roberto Portela ganhou forma e estilo piauienses.

“É um espetáculo totalmente autoral feito com pessoas daqui. A concepção coreográfica é da M. Ravena, uma transformista de Parnaiba, e a sonoplastia é do Pablo Sepúlvida, além de contar com a direção do Chiquinho e o texto do Cristian”, diz Roberto.

A personagem foi criada depois de uma viagem ao Rio de Janeiro e foi ali no cotidiano das pessoas que ia se deparando, e no caldeirão que representa as ruas de cada cidade na concepção do artista, que nascem as ideias e se desenvolvem os projetos. E com ela não foi diferente. Empolgado com a proposta de viver esse novo desafio na sua carreira, Portela diz estar adorando a personagem, que é bem leve em sua interpretação, no estilo e tira muitas gargalhadas do público.

“A Vegana é uma bicha mais composta, uma personagem de meia-idade, diretor de teatro, professor que decide se tornar vegana porque as amigas eram, e depois passa a ser porque acha importante. Para ela é um estado de espírito, tem muita força de vontade, não é só não comer carne, não ser consumista, é ser uma pessoa totalmente do bem. Ela gosta de plantas, não é que ela não goste de animais doméstico, mas é porque prefere as flores”, define.

Sua primeira apresentação aconteceu em 2019 e a receptividade do público foi muito boa, segundo o ator. Agora, ele tem um convite para levar Vegana para o Rio de Janeiro, um convite que recebeu do amigo Mauro Viana, mas espera oportunidade para viajar com o espetáculo, afinal, foi nas ruas da capital carioca que surgiu esta história cheia de humor.

Com 28 anos de carreira, Roberto já esteve à frente de vários projetos, participou do grupo Os Caipora, unindo sempre em sua vida a música e o teatro. Atualmente, ele ministra aulas de violão e percussão na Escola de Teatro Gomes Campos. (Por Liliane Pedrosa)


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar