5 situações nas quais o WhatsApp pode suspender a sua conta

Pouca gente lê as informações sobre os termos e serviços.

Quem, hoje em dia, não tem o WhatsApp instalado no celular — e passa boa parte do dia checando mensagens, batendo papo com alguém ou compartilhando bobagens com os grupos da família e amigos? Pois pouca gente lê as informações sobre os termos e serviços do aplicativo e sabe que a conta pode ser suspensa temporária e até definitivamente se a companhia achar que o usuário cometeu alguma irregularidade.

Aliás, não nos referimos aqui aos bloqueios que acontecem por alguma determinação da Justiça — como já ocorreu aqui no Brasil em mais de uma ocasião. Na verdade, de acordo com José Ángel Plaza López, do portal El País, se a empresa entender que o usuário violou suas regras de uso — em especial as mencionadas em “Uso aceitável de nossos serviços” —, ela pode suspender o serviço.

Castigo

Segundo José, quando acontece de o pessoal do WhatsApp identificar algum problema, o usuário recebe uma mensagem avisando da suspensão do serviço. A pessoa pode tentar reverter a situação entrando em contato com a companhia por meio de email para se explicar, mas, se a empresa achar que a violação foi grave, a conta pode desaparecer de forma permanente após 72 horas.

No entanto, nos casos de infrações mais brandas, a suspensão é temporária e a conta geralmente volta a ser reativada no prazo de 24 horas. Conforme apontou José, vale destacar que o pessoal do WhatsApp não é especialmente detalhista na hora de especificar o que, exatamente, pode levar à suspensão do serviço, mas algumas situações são essas que você pode ver a seguir:

1 – Envio exagerado de mensagens

Se um usuário manda mensagens demais — infelizmente, nos termos de uso a companhia não especifica a quantidade —, ele pode ter a conta suspensa. Mas, caso você seja do tipo rápido nos dedinhos e mande recados o dia todo, não se preocupe. A situação se aplica no caso de quem envia um grande volume de mensagens a pessoas que não têm o número do remetente na lista de contatos. Assim, para evitar o bloqueio, certifique-se de que os seus destinatários contam com você na agenda do celular.

2 – Criação exagerada de grupos

Se um usuário criar muitos grupos — novamente, a quantidade não é especificada nos termos de uso — com pessoas que não constam na sua lista de contatos, o pessoal do WhatsApp pode suspender o serviço temporariamente. Como proceder caso você seja o rei das “panelinhas”? Siga o mesmo conselho que foi dado no item anterior e verifique se os integrantes dos seus grupos salvaram o seu número de celular na agenda.

3 – Repetições

Pessoas que enviam a mesma mensagem para um grande número de contatos também podem ter as contas suspensas. O pessoal do WhatsApp não especifica qual seria a quantidade considerada exagerada, para variar, mas, segundo José, uma saída seria lançar mão de um recurso da empresa chamado Lista de Transmissão — e que, basicamente, permite o envio de mensagens a uma lista de contatos como se tratasse de uma cópia oculta de email. Entretanto, para não violar os termos de uso, os destinatários devem ter o seu número na agenda.


4 – Muitos bloqueios

Um cara que foi bloqueado por muitos usuários em um curto período também pode ter a conta do WhatsApp suspensa. Como você já deve ter deduzido, a companhia não divulgou o número de bloqueios que podem levar à punição, mas se ocorrerem muitos deles em pouco tempo, ela pode entender que a pessoa está fazendo uso indevido do serviço e enviando mensagens para destinatários desconhecidos que não querem recebê-las.

5 – Porque sim

Além dos motivos listados acima, se o pessoal do WhatsApp considerar que determinada pessoa está fazendo uso indevido de seus serviços, a companhia pode simplesmente suspender a conta e pronto. Conforme mencionamos anteriormente, o usuário pode recorrer a essa decisão se achar que ela foi fruto de erro e pedir mais informações sobre o caso, assim como contatar a companhia para se defender.

Fonte: megacurioso
logomarca do portal meionorte..com