6 descobertas mais importantes da arqueologia

6 descobertas mais importantes da arqueologia

Algumas delas deram significativas mudanças ao mundo

No post de hoje, selecionamos algumas descobertas arqueológicas que mudaram a história. Confira:

1. Pergaminhos do Mar Morto

Uma grande coleção de manuscritos antigos foi encontrada em vários pontos ao longo da costa noroeste do Mar Marto. Estudos apontaram que os pergaminhos datam de mil anos antes dos mais antigos manuscritos utilizados para o Antigo Testamento. Graças a esses textos, foi possível entender alguns aspectos da vida nos tempos antigos mais remotos.

2. Garganta de Olduvai

A Garganta de Olduvai é extremamente rica em achados pré-históricos. O local foi descoberto pelo entomologista Willhelm Kattwinkel, em 1911, quando ele caiu ali enquanto perseguia uma borboleta. Três diferentes espécies de hominídeos, incluindo Australopithecus, Homo habilis e Homo erectus foram encontradas na Garganta. Além disso, indícios de hipparions (uma espécie de cavalo de três dedos já extinto) também foram descobertos no local.

3. Troia

A antiga cidade de Troia, mencionada nos poemas de autores como Homero e Virgílio, foi descoberta na década de 1870 pelo arqueólogo alemão Heinrich Schliemann. Depois da escavação, a história da região antiga foi dividida em diferentes períodos, que vão de Troia I até Troia IX. A cidade considerada inspiração para as histórias Homéricas seria Troia VI, que existiu durante os anos de 1900 e 1300 AC.

4. Dente de Denisova

Um dente e um osso do dedo de uma forma humana arcaica foram encontrados na Caverna Denisova, na Sibéria. Cientistas acreditam que o achado arqueológico possui mais de 50 mil anos de idade. Após várias investigações, eles concluíram que os fósseis pertenciam a um tipo desconhecido de humano arcaico que viveu na região do Krai de Altai, na Rússia.

5. Pedra de Roseta

A Pedra de Roseta foi uma grande rocha encontrada no Egito, em 1799, e data de 196 A.C. Uma inscrição com um decreto em nome do Rei Ptolomeu V foi inserida na pedra com hieroglifos do egípcio antigo, egípcio demótico e grego antigo. A pedra foi essencial para a compreensão dos hieróglifos egípcios.

6. Exército de Terracota

Um fazendeiro local da província Shaanxi, na China, estava cavando um poço quando ele descobriu este vasto exército, em 1947. Milhares de guerreiros terracota colocados na frente do túmulo do grande imperador Qin Shi Huang para guardar seu corpo após a vida. Para pesquisadores, a gigante construções e tornou um indício de visões humanistas e progressistas sem precedentes por parte do imperador, já que seis antecessores deveriam enterrar tudo que pudessem precisar no além com eles. Apesar do fato do exército ter sido descoberto há 70 anos, o túmulo do imperador ainda não foi encontrado.

Fonte: Fatos Desconhecidos
logomarca do portal meionorte..com