6 pensamentos que arruinam os planos de quem quer perder peso

Pessoa começa a se alimentar de uma forma diferente e mais saudável

A pessoa começa a se alimentar de uma forma diferente e mais saudável, decide fazer exercícios físicos, deixa de ser sedentária, mas, mesmo assim, não  emagrece. Ou então, até consegue perder peso, mas tempos depois ganha tudo de novo.


Segundo o psicólogo Odair Comin, o problema pode estar na mente. O especialista explica que perder peso depende de diversas etapas, entre elas, reeducação alimentar, criação de hábitos saudáveis com exercícios físicos e a mais importante: a ressignificação na forma de pensar e se relacionar com o alimento. Simplificando, isso quer dizer que alguns pensamentos do dia-a-dia podem arruinar tudo.

“A mente é uma ferramenta extremamente poderosa que pode ser aliada do ser humano, mas muitas vezes se coloca como principal inimiga. Grande parte das vezes que um paciente apresenta um ganho de peso significativo a causa está relacionada com algum tipo de transtorno psicológico e mental, por isso, mais importante que mudar o cardápio e assinar um plano de academia, é essencial que o fator do aumento dos ponteiros da balança seja investigado e tratado para aí, sim, obter sucesso no processo de emagrecimento”, explica Odair. Confira as ideias que devem ser repensadas:

1. Quando eu emagrecer...

“O primeiro grande erro é querer adiar o presente e visualizar o futuro apenas em torno do emagrecimento. Inevitavelmente muitas pessoas buscam no emagrecimento a melhora da autoestima, mas esse não deve ser o foco. Reflita: você quer alcançar o peso ideal e qualidade de vida ou a estética ideal? O recomendado é colocar-se em movimento na busca de novos hábitos alimentares e de uma vida mais saudável e não apenas para refletir a imagem desejada.”

2. Preciso comer

"O corpo precisa de nutrientes, vitaminas e proteínas para se nutrir, já a mente precisa de um prato específico para sentir prazer. O sinal do organismo para a necessidade da ingestão de alimentos é a fome, já o sinal da mente é o desejo. Para obter sucesso a longo prazo na perda de peso é preciso romper essa relação entre vontade (mente) e fome (corpo). Claro que todos temos uma guloseima preferida ou um hambúrguer desejado, mas a ingestão desses alimentos deve ser uma exceção e não regra. O corpo tem fome de comida e a mente de pensamentos!"

3. Hoje eu mereço

"Quem nunca teve um dia difícil no trabalho ou alcançou um objetivo almejado e se presenteou com chocolate, uma porção de fritas ou com o alimento preferido? Esse é um dos pensamentos mais comuns e um dos piores boicotadores da busca pelo peso ideal. Premiar-se ou recompensar uma frustração com a ingestão de uma comida específica é querer suprir um problema que está na mente e não no corpo, por isso é ineficiente e só lhe prejudicará!"

4. Eu não como de jeito nenhum

"Parece infantil, mas os adultos também têm as próprias crenças alimentares que muitas vezes foram construídas na infância. Ressignifique os alimentos saudáveis e encontre a atratividade, a beleza e o colorido desses alimentos que produzirão um organismo saudável e, consequentemente, a estética ideal para você."

5. Só hoje

"Escute seu corpo, ele fala! Muitas vezes esquecemos de olhar para o próprio corpo como organismo e só visualizamos a estética visível. A beleza deve vir de dentro e refletir na parte de fora, e saiba que ela é construída com alimentos saudáveis, vivos e que trazem energia. O pensamento do 'só hoje' é a prova de que você ainda não tomou consciência disso, pois este é um processo que deve ser levado por toda a vida."

6. Estou tão feliz, aquela calça voltou a me servir

"Mais uma vez ressalto quão importante é mudar o foco e a motivação para perder peso. Emagrecer apenas pela estética é uma motivação perigosa e normalmente leva a pessoa ao efeito sanfona, pois quando o espelho reflete a imagem que a pessoa deseja, todo o esforço se perde e os velhos hábitos voltam normalmente até que o peso perdido seja recuperado. Foque na qualidade de vida. Já pensou como é bom acordar disposto para mais um dia de trabalho, estar com o humor regulado, conseguir praticar exercícios físicos, ter energia no fim do dia para realizar atividades que lhe proporcionam prazer? Essas motivações o manterão focado nesse objetivo de vida. Lembre-se: a estética é consequência!"


Fonte: iG