"Alienígenas podem ter ocupado a Terra antes de nós", diz cientista

Parte das evidências desses alienígenas teria sido destruída


O professor Jason Wright alega que alienígenas “tecnológicos” podem ter vivido em algum dos planetas do sistema solar antes de desaparecerem sem deixar qualquer evidência. Wright é especialista em astronomia e astrofísica pela Universidade do Estado da Pensilvânia.

Em um artigo intitulado “Espécies Tecnológicas Indígenas Anteriores”, Wright sugere que alienígenas ancestrais podem ter vivido em Marte, em Vênus ou na Terra. Segundo ele, existe uma chance de encontrarmos em breve “tecnoassinaturas” deixadas por esses extraterrestres.

“Uma espécie tecnológica indígena anterior pode ter surgido na Terra ancestral ou em outro corpo, como Vênus, antes da estufa ou Marte úmido”, escreveu o professor em seu estudo, publicado na plataforma arXiv.


Entretanto, a maior parte das evidências desses alienígenas teria sido destruída a essa altura. No caso de Vênus, o surgimento do efeito estufa e uma potencial mudança de superfície já teriam apagado todos os indícios de vida. Já na Terra, as erosões e as placas tectônicas poderiam ter acabado com tais provas se a espécie tivesse vivido aqui há bilhões de anos.

“Pode-se esperar que tecnoassinaturas indígenas restantes sejam muito antigas, limitando os locais onde podem ser encontradas para embaixo das superfícies de Marte ou da lua ou na parte externa do sistema solar”, explicou Wright. Ele imagina que esses indícios estejam abaixo do solo.

“Estrutura enterradas embaixo da superfície podem sobreviver e potencialmente serem descobertas, contanto que não ocorra uma colisão tão severa que sua natureza artificial seja destruída”, escreveu o professor em seu artigo. “Destruí-las garantiria que se tornassem não funcionais, mas ainda poderiam ser reconhecidas como tecnológicas”.

“Podemos presumir que assentamentos ou bases nesses objetos teriam sido construídos por baixo da superfície por uma série de motivos e, portanto, ainda poderiam ser descobertos hoje em dia”. O professor acredita que o campo da arqueologia espacial poderia ajudar a revelar pistas da existência de alienígenas ancestrais.

Busca por vida


Enquanto Wright procura evidências de vida alienígena no nosso sistema solar e na Terra, a grande corrida espacial do momento é a busca por vida extraterrestre em exoplanetas. O competidor mais recente é um novo planeta que orbita uma estrela anã vermelha , entretanto, a cada mês uma nova possibilidade é descoberta.



Fonte: ig