Após ciclone, tubarão é encontrado em estrada na Austrália

Animal tinha 1,5 metro de comprimento

Em 2013, Hollywood nos brindou com uma pérola sem tamanho: “Sharknado”. O filme mostra o que aconteceria se um furacão carregasse um monte de tubarões para o meio da cidade. O que parecia ser apenas história de ficção acaba de acontecer na vida real. E o país para esse evento insólito não poderia ser outro que não a Austrália.

O ciclone Debbie, que atingiu a costa do país por volta do meio-dia (hora local) da última terça-feira (28), causou uma série de estragos e obrigou a evacuação de 30 mil pessoas das regiões mais atingidas. Felizmente, até agora, nenhuma morte humana foi registrada durante os fortes ventos que chegaram a 270 km/h.

Porém, não podemos dizer o mesmo de um tubarão-cabeça-chata, que foi encontrado sem vida por bombeiros nas proximidades da cidade de Ayr, no nordeste do país. Ele media 1,5 metro de comprimento e deve ter sido arrastado até o local devido à enchente que atingiu o país com a passagem do Debbie.

Animal foi parar em uma estrada após passagem de ciclone (Crédito: Reprodução)
Animal foi parar em uma estrada após passagem de ciclone (Crédito: Reprodução)

Essa espécie nada em águas rasas e mornas de praticamente todo o planeta, por vezes adentrando rios, acredita-se, inclusive, que ele estivesse em algum riacho antes de ser levado para a estrada. Cerca de 1 hora antes das fotos serem tiradas uma pequena enchente foi detectada no rio Burdekin, que fica próximo de onde o animal foi achado.

Os bombeiros desconfiam que o tubarão tentou fugir da tormenta nadando para o rio, mas acabou sendo surpreendido pela enchente. Um casal de moradores chegou com uma faca e conseguiu arrancar um dos dentes do bicho para guardar como souvenir, antes que os bombeiros tirassem o animal da via. 

Animal foi parar em uma estrada após passagem de ciclone (Crédito: Reprodução)
Animal foi parar em uma estrada após passagem de ciclone (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Megacurioso
logomarca do portal meionorte..com