Artistas transformam aldeia em museu de arte a céu aberto

Artistas passaram a deixar sua marca por toda a cidade

Cada vez mais apreciadas em todo o mundo, o grafite vem ganhando seu espaço nos centros urbanos e deixando sua marca incontestável. Em Er-Riadh, uma pequena aldeia na ilha de Djerba, na Tunísia, não é diferente.

Pensado pelo franco-tuniense dono de galeria Mehdi Ben Cheikh, um projeto de arte resolveu transformar, a partir de 2014, as pequenas ruas da vila um verdadeiro museu aberto. Desde então, mais de 150 artistas de 30 nacionalidades e estilos diferentes passaram a deixar sua marca por toda a cidade transpondo nos muros um pouco de sua cultura.


Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações da UOL
logomarca do portal meionorte..com