Cachorro usa smoking comprado com dinheiro público e revolta

Funcionário público gastou cerca de R$ 626 mil em itens.

Levar o cachorro para o pet shop, passeio e até 'vestir' o animal se tornou hábito entre os donos cada vezes mais preocupados com o bem-estar de seus fieis companheiros. No estado do Arkansas, nos Estados Unidos, um homem decidiu mimar seu cão com essas regalias, mas acabou preso por ter usado dinheiro público. 

Kristi Lyn Goss, de 44 anos, comprou nada mais nada menos que um smoking para seu cão com dinheiro público. Ele tinha sido preso em outubro de 2016, acusado de usar o cartão, do condado de Garland, para gastar cerca de US$ 200 mil (cerca de R$ 626 mil) em itens pessoais. Ela trabalhava como assistente administrativa de um juiz.

Na segunda-feira, diante do tribunal, ela confessou-se culpada, segundo a imprensa local. A sentença deve ser divulgada em 22 em novembro. Ela pode pegar uma pena de 30 anos de prisão.

Cachorro usa smoking comprado com dinheiro público (Crédito: Pixabay)
Cachorro usa smoking comprado com dinheiro público (Crédito: Pixabay)










Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com