Casal diz que consegue ter orgasmo com apenas um abraço

Segundo o casal, alguns "orgasmos" vão além das zonas erógenas

Casados há oito anos, Melanie e Scott McClure garantem que conseguem atingir o orgasmo com um simples abraço. Especialistas em yoga tântrico, os moradores de Austin, no Texas (EUA), dizem que qualquer um pode chegar ao êxtase desde que consiga integrar o corpo, a mente e a alma.

Segundo o casal, alguns "orgasmos de corpo inteiro", que vão além das zonas erógenas, podem durar até 18 horas, mas a média é mais baixa. "Desde que Scott e eu estejamos de coração aberto, eu tenho oito ou nove horas de orgasmos regularmente todos os meses", contabiliza Melanie, de 33 anos, em entrevista ao Daily Mail, acrescentando que também fica em estado de êxtase graças às energias da terra, das plantas e da água.

Image title

Scott conta que os dois são tão conectados que se estiverem em salas diferentes e um deles, por acaso, tiver um orgasmo, o outro também terá. E isso não fica restrito ao dois, já que, segundo ele,  a sensação pode ser compartilhado com pessoas próximas. "Melanie e eu podemos ter orgasmos com amigos com que nunca fizemos sexo. Meses atrás nós acampamos com dois amigos e todos nós tivemos orgasmos", explica Scott, que tem 47 anos. "É tão alegre e incrível quando você começa a viver no estado orgásmico que vivemos como casal", acrescenta ele.

Além dos orgasmos a partir de abraços ou mesmo "a distância", os dois ainda afirmam que chegam ao ápice fazendo outras atividades que não tem relação alguma com sexo: cantando, dançando e simplesmente respirando. E passam esse conhecimento adiante com cursos on-line e workshops pelo mundo. "Nós testemunhamos nossos alunos entrarem um estado orgásmico juntos, na mesma sala, somente a partir de sons", conta Melanie. 

De acordo com o casal, há três passos para ter um orgasmo mais intenso: fazer barulhos, respirar profundamente e visualizar sua energia. E ela finaliza: "Há tantas formas de ter um orgasmo se você realmente despertar seus sentidos".

Image title

Fonte: Com informações da UOL
logomarca do portal meionorte..com