Homem acusa cachorro de atirar em sua namorada nos EUA

Uma perícia irá avaliar se o cão realmente provocou o tiro

"Alô, polícia? Minha namorada acabou de ser baleada por meu cachorro." Foi mais ou menos assim que um homem reagiu na noite da última terça-feira (21) quando viu uma luz forte, um barulho e um grito de dor dentro do seu quarto, em Jacksonville, na Flórida (EUA).

Segundo a polícia local, um homem dormia com sua namorada quando foram acordados pelo cachorro que também vive na casa, Diesel. O sujeito contou aos policiais que levantou, levou o cão para para fora, mas, quando voltou para o quarto, o animal veio com ele. Foi aí que ele viu o clarão e ouviu o estampido.

Casa onde aconteceu o incidente (Crédito: Reprodução)
Casa onde aconteceu o incidente (Crédito: Reprodução)

Brain Murphy acredita que o cachorro subiu na mesa de cabeceira onde fica exposta uma pistola Springfield XD40 carregada para alguma eventualidade. Pela versão do sujeito, a arma acabou, de algum modo, disparando sozinha.

A mulher, que estava dormindo no momento do incidente, acabou sendo baleada na perna e levada a um hospital local sem correr risco de morte. Ela contou à polícia que não faz ideia de como tudo aconteceu e que só acordou por causa da dor forte que sentia no local do ferimento.

O homem, dono da arma e de cachorro, tem um filho, que não estava em casa no momento do tiro. A polícia abriu investigação e vai analisar a pistola para saber, por exemplo, se realmente é possível que o cachorro tenha disparado a arma sem querer.

Fonte: Com informações do Uol