Homem pede divórcio por esposa tomar banho uma vez no ano

Ele entrou no tribunal com o pedido de divórcio

Um homem que não teve sua identidade revelanda decidiu pedir o divórcio da esposa identificada apenas como Lin, após dez anos de casamento alegando que ela só tomava banho apenas uma vez no ano.

O marido entrou com o processo de divórcio na corte da cidade de New Taipei, em Taiwan sob alegação de tortura psicológica devido as péssimos hábitos de higiene da sua esposa. Ele contou ainda que raramente ela lavava os cabelos e que somente por duas vezes no mês escovava os dentes.

O rapaz contou que quando namoravam a mulher tomava banha uma vez por semana e que após casar o banho passou a ser mensal, depois foi para uma vez a cada seis meses e que agora é uma vez por ano. Ele contou ainda que devido a esse costume da mulher eles só faziam sexo após esse banho anual e que por isso nunca conseguiram ter filhos.


O homem relatou um empisódio que, após ficar muito tempo desempregado, encontrou emprego de segurança, mas sua esposa não queria que ele trabalhasse. E então, em 2015, saiu de casa por não aguentar mais ocheiro dela e para continuar a trabalhar. Inconformada, a esposa teria ido até o emprego do marido o que ele definiu como gota d'água e então resolveu pedir a separação que foi negada pela esposa.

A mulher contou que seus pais tratam o marido como se fosse um filho e que só foi atrás dele no emprego porque ele não atendia as ligações. Em uma entrevista no jornal Taipei Times, que é tudo mentira. Disse ainda que ela, ajudava o casal enviando dinheiro mensalmente para eles.

Por Lin não querer se separar, o rapaz levou o caso para o tribunal e o juiz deu ganho de causa para ele. A sua esposa ainda pode recorrer da decisão.

Fonte: r7
logomarca do portal meionorte..com