Homem transgênero perde a virgindade aos 49 anos de idade

Ele disse que fazer sexo com seu corpo masculino era um "sonho"

Lee Carter é um homem transgênero de 49 anos que queria conhecer a mulher certa antes de ter relações sexuais pela primeira vez depois da mudança de gênero. Utilizando um pênis biônico, ele perdeu a virgindade com Leanne depois que ela leu sua história e lhe enviou uma mensagem.

Lee recebeu um pênis biônico em 2012. O órgão foi revestido com pele do braço dele. Para completar, também foi implatado um testículo de sicilone com um mecanismo que é responsável pela ereção. Ao jornal britânico "Daily Star", ele afirma que passou 40 anos preso ao corpo errado e que fazer sexo com seu corpo masculino era um "sonho se tornando realidade".


Ele encontrou a parceira nas redes sociais. Na verdade, Leanne foi quem encontrou o homem. Ela contactou Lee pelo Facebook para dizer que tinha lido sobre ele na imprensa e comprou o seu livro “Living With Lisa” (Vivendo com Lisa, em tradução livre), que detalha a transição do sexo feminino para o sexo masculino. "Estava simplesmente deslumbrada com o que ele tinha passado e sua atitude positiva e senti que precisava dizer algo”, afirma Leanne.

Depois de alguns dias trocando mensagens na internet, eles conversaram pelo telefone e se apaixonaram. Lee disse que os dois sentiram uma conexão muito forte com o outro. “Eu sabia que ela era a única e ela sentia o mesmo. Isso nos deixou surpresos”, detalha Lee.

Em seguida, Lee surpreendeu Leanne dirigindo mais de 300 quilômetros para encontrá-la. "Simplesmente parecia certo. Eu tinha que vê-la. Quando liguei para ela, disse a ela onde estava e ela veio direto”, conta Lee. Eles se encontraram em um bar e depois foram para o quarto do hotel de Lee. Lá eles tiveram a primeira relação.

A relação sexual

"Estava nervoso, mas algumas cervejas definitivamente ajudaram. Eu sabia que tudo funcionava, mas estava tenso porque era a primeira vez com uma mulher”, afirma Lee. "Não podia acreditar que aquilo estava acontecendo finalmente e eu estava perdendo minha virgindade como homem e, o mais importante, com alguém com quem eu me importava profundamente e que sentia o mesmo sobre mim".

Leanne afirma que os dois estavam um pouco nervosos, mas que foi maravilhoso."Eu não costumo falar sobre sexo, mas eu entendo que as pessoas vão querer saber se foi normal. Foi normal e também muito especial".

Lee havia recusado ofertas de sexo desde a transição porque queria conhecer a mulher certa para perder a virgindade masculina. Ele disse que está satisfeito por ter esperado tanto tempo por Leanne. “Foi incrível e nós dois gostamos tanto que não paramos a noite toda. Eu disse que queria esperar pela mulher certa e estou feliz por ter feito porque Leanne é uma pessoa bonita por dentro e por fora e estamos muito felizes.”

Por ter vivido como uma mulher durante a maior parte da vida, Lee ainda afirma que isso faria dele um bom amante - e sua parceira Leanne, que aprovou o sexo com o pênis biônico, disse que concorda.

Fonte: ig