Jovem corta pênis de guru religioso que a estuprava há anos

A mulher, de 23 anos, foi elogiada até pelas autoridades

Na Índia, uma jovem cortou o pênis de um guru religioso que a estuprava há cinco anos. O caso aconteceu na sexta (19/5), em Thiruvananthapuram, capital do estado de Kerala. A mulher, de 23 anos, atacou Hari Swami, 54, com uma faca para evitar um novo abuso, segundo o Daily Mail. O nome da vítima é mantido sob sigilo pelas autoridades.

De acordo com o relatório policial, a estudante de direito estava em casa quando foi atacada por Swami. Acuada, a jovem usou uma faca para se defender e acabou dilacerando o membro genital do agressor. O instrumento cortante estava debaixo do travesseiro.

Image title

Ministro-chefe da parte sul de Kerala, Pinarayi Vijayan elogiou a bravura da jovem em entrevista à rede NDTV. “Foi um ato corajoso e forte da mulher”.

“O homem foi levado ao hospital mais próximo em estado grave”, disse o chefe de polícia G. Sparjan Kumar à agência AFP. Depois de um procedimento cirúrgico, Swami foi mantido em observação, em condição estável.

A polícia investiga o agressor da jovem por estupro e ofensa sexual, já que os abusos começaram ainda na adolescência da estudante. Os pais disseram às autoridades que desconheciam as agressões.

“A jovem nos contou que os pais confiavam cegamente em Swami. Ele costumava ser convidado com frequência para cerimônia especiais e dormia na casa, onde a estuprava”, explicou Kumar.

Fonte: Com informações do Metropoles
logomarca do portal meionorte..com