"Meu corpo não aguenta", diz idosa mãe aos 72 anos

Apesar dos problemas de saúde, Daljinder diz não ter arrependimento

Em abril do ano passado, Daljinder Kaur foi mãe pela primeira vez, aos 72 anos. Um ano depois, a indiana tem enfrentado pressão alta e fortes dores nas juntas. Os problemas não existiam antes do nascimento de Armaan.

"Fico agora facilmente cansada. Meu corpo não aguenta, é mais difícil do que pensava. Estou preocupada. Tenho que cuidar da minha saúde, mas também tenho que cuidar de Armaan", disse a indiana.

'Meu corpo não aguenta', diz idosa mãe aos 72 anos
'Meu corpo não aguenta', diz idosa mãe aos 72 anos


Casados há 46 anos, Daljinder disse que ela e o marido Mohinder Singh Gill, de 80 anos, quase perderam a esperança de ter um filho e tinham que suportar a vergonha de não serem pais em um país onde a esterilidade é considerada um castigo de Deus.

Após passar por um fertilização in vitro a idosa agradeceu a benção: "Deus ouviu nossas orações. Minha vida agora está completa. Cuidarei deste bebê sozinha. Sinto-me cheia de energia. Meu marido também é muito cuidadoso e me ajuda o máximo que pode", disse a indiana à época do nascimento.

Apesar dos problemas de saúde, Daljinder diz não ter arrependimentos: "Não importa onde eu esteja, ele vem engatinhando na minha direção. Eu o amo. Ele é uma criança boa e sorri para todos."

Fonte: Com informações do Page not found