Mulher dá à luz em voo com ajuda da tripulação: "Bem-vinda a bordo"

Com 28 semanas, a mulher não esperava dar à luz tão cedo

Com 28 semanas de gestação, Nafi Diaby não esperava dar à luz tão cedo, mas foi surpreendida quando entrou em trabalho de parto durante um voo de Conakry, na Guiné, a Istambul, na Turquia. Ela foi ajudada pela tripulação da Turkish Airlines.

Como o avião faria uma parada em Ouagadougou, em Burkina Faso, mãe e filha, que ganhou o nome Kadiju, foram encaminhadas a um hospital da região. Ambas passam bem.

A menina, que nasceu oito semanas antes do esperado, passou pelo colo dos funcionários para fotos e teve o nascimento anunciado nas redes sociais da empresa aérea: "Bem-vinda a bordo, princesa! Aplausos para a nossa tripulação".

Seguindo regras gerais, a empresa permite que gestantes voem até a 35ª semana de gravidez, mas, a partir da 28ª, é necessário um documento médico para seguir viagem

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações da UOL
logomarca do portal meionorte..com