Mulher perde parte da orelha e do nariz após recusar sair com homem

O homem se revoltou e teve um ataque de fúria.

Uma mulher identificada como Irina Gonchar,  de 41 anos, sofreu após ser vítima de um ataque de fúria de um homem chamado Anatoliy Ezhkov, de 45 anos, que conheceu na internet ao ter se recusado a participar de um jantar romântico.

Mesmo após ter recusado, o homem levou a vítima ao hostel em que ele mora. No local, ele a agrediu e jogou álcool sobre seu corpo. Depois, o agressor tentou estrangulá-la, mas como havia muito sangue em volta da mulher suas mãos escorregaram.

Drogado e revoltado, Anatoliy passou a morder várias partes do corpo da vítima. Irina perdeu parte da orelha direita, parte do nariz e sofreu mordidas severas nas bochechas, nos dedos e nas costas. A tortura durou quatro horas.


Fonte: Com informações do O Globo
logomarca do portal meionorte..com