O que comer antes de dormir? Ou é melhor não comer nada?

O que é melhor para a dieta e para o bem-estar

Já está quase na hora de ir para cama e você já fez o jantar, mas ainda queria comer mais alguma coisa. Aí bate aquela dúvida: o que é melhor para não acabar com a dieta e nem atrapalhar seu sono, fazer um lanchinho ou ir logo dormir? E se preferir a primeira opção, o que comer antes de dormir? 


A revista norte-americana "Women's Health" tirou essas dúvidas com Lisa Moskovitz, nutricionista de Nova York, nos Estados Unidos. Para ela não há uma resposta exata para todas as perguntas, mas algumas dicas podem ajudar a entender o que comer antes de dormir e ou até quando vale a pena ir direto para a cama sem passar pela cozinha. 

 (Crédito: ShutterStock)
(Crédito: ShutterStock)


Fome x sono

Segundo Lisa, para ter um sono de qualidade não é bom ir dormir nem com fome nem muito cheio de comida. No primeiro caso, é provável que seja difícil adormecer com a barriga roncando.

Já no caso de exagero logo antes de ir para cama, o sono também pode ser sem qualidade por causa da dificuldade do corpo em digerir os alimentos. Também há o risco de se sentir inchado. "E níveis ruins de sono podem levar a queda nos níveis de energia e fadiga. Além disso, noites mal dormidas estão relacionadas ao ganho de peso, principalmente se o lanche da noite é cheio de calorias vazias ou em excesso", afirma a especialista em nutrição.  

Escala da fome

Uma sugestão de Lisa para saber se deve ou não comer antes de ir para cama é fazer uma escala da fome, de 1 (pouca fome) a 10 (realmente faminto). Se a nota for de 5 para baixo, pode ingerir apenas um copo de água ou um chá quentinho antes de deitar. Muitas pessoas pensam que estão com fome, quando na verdade só precisam se hidratar. Ter essa escala da fome ajuda a não derrapar na dieta. 

Entretanto, de acordo com a especialista, se sua fome estiver acima do 6, o aconselhável é preparar um lanche antes de dormir, mas lembrando de incluir ingredientes leves e ficar atenta às calorias. "O lanche não deve passar de 200 kcal", diz Lisa. 

Se estiver com mais fome, um item que pode entrar na lista de o que comer antes de dormir é um lanche integral - pode ser torrada integral, cereal rico em fibras ou mesmo pipoca. "Carboidratos integrais ajudam a liberar serotonina no cérebro, o que contribui para que a pessoa se sinta calma e pronta para dormir", indica a especialista norte-americana. Por outro lado, fique longe de comidas com muita proteína ou gordura - nada de manteiga na pipoca - ou corre o risco de ter dificuldades na digestão que podem atrapalhar o sono. 


Fonte: iG
logomarca do portal meionorte..com