Planta dada como extinta junto com os dinossauros reaparece

Planta havia sido extinta há 66 milhões de anos

A mais conhecida extinção em massa na Terra aconteceu há cerca de 65,5 milhões de anos, supostamente com a queda de um asteroide que dizimou até 75% das espécies do planeta, principalmente répteis e moluscos. Ela, entretanto, não foi a maior extinção de todas, perdendo para a que aconteceu há 251 milhões de anos e acabou com mais de 90% dos seres vivos.

Entre as espécies que supostamente sucumbiram ao lado dos dinossauros estava uma plantinha aquática chamada Lychnothamnus barbatus, cujo último vestígio na América do Norte havia sido datado de 66 milhões de anos atrás. Entretanto, pesquisadores descobriram recentemente que ela ainda existe por lá.

A descoberta gerou novas dúvidas: se a planta estava extinta no continente, como ela ressurgiu? Será que ela nunca existiu na América do Norte e só agora apareceu? Quem a teria trazido de lugares em que ela ainda sobrevive, como a Europa e a Austrália? Todas essas perguntas parecem longe de ter uma resposta.

A Lychnothamnus barbatus vive nos rios e chega a 30 centímetros de altura (Crédito: Reprodução)
A Lychnothamnus barbatus vive nos rios e chega a 30 centímetros de altura (Crédito: Reprodução)

Essa espécie de alga possui um formato bastante característico, sendo chamado por isso de “alga de pedra”, então era impossível que ninguém a tivesse visto antes nos rios da América do Norte. A planta não possui uma característica de crescimento invasivo, podendo, portanto, ter existido esse tempo todo em completo anonimato. A hipótese de introdução recente na flora local também não é descartada.

A descoberta foi bastante celebrada pela comunidade científica, pois abre brechas de que outras espécies consideradas extintas talvez estejam só bem escondidas na natureza.

Chamada de "alga de pedra", a plantinha tem um formato bem peculiar (Crédito: Reprodução)
Chamada de "alga de pedra", a plantinha tem um formato bem peculiar (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Megacurioso
logomarca do portal meionorte..com