Por erro de banco homem ganha saldo infinito e gasta US$ 2 milhões

Por erro de banco homem ganha saldo infinito e gasta US$ 2 milhões

Ele percebeu o erro somente depois de fazer vários saques

A vida do australiano Luke Brett Moore mudou completamente quando seu banco cometeu uma falha e o autorizou a realizar saques sem limites. Moore, que estava desempregado, abriu sua conta bancária em 2010, quando tinha 22 anos. A princípio, usou o dinheiro extra para pagar dívidas e sua hipoteca, mas logo percebeu que poderia fazer muito mais.

Com todas suas contas pagas, decidiu comprar um Hyundai Veloster e dirigiu por 195 km para comprar mais um carro: um Maseratti. Depois disso, se mudou e tentou abrir seu próprio negócio, mas gastou a maior parte de seu tempo e dinheiro em festas. “Eu ia a clubes de strip-tease e gastava centenas de milhares de dólares em mulheres, álcool, cocaína e qualquer outra coisa”, disse em entrevista à "BBC".

Luke Brett Moore comprou todos os tipos de lembranças de celebridades, como uma camisa autografada por Michael Jordan, um disco autografado por Michael Jackson e uma pele de bateria autografada por Amy Winehouse. No total, ele gastou quase US$2 milhões em 50 saques e transações.

Fonte: Mundo Insólito
logomarca do portal meionorte..com