Por que os gatos pretos representam má sorte?

Animais são um dos símbolos do Dia das Bruxas

O Dia das Bruxas, também conhecido como Halloween, está chegando, e as decorações importam muito da cultura norte-americana: abóboras, teias, aranhas, fantasmas e, é claro, gatos pretos. Mas, afinal, por que esse animal tão adorável é ligado ao mau agouro?

Bem, para chegar a essa resposta, é preciso conhecer um pouco a evolução da relação entre homens e gatos. Tudo começou quando os primeiros seres humanos passaram a praticar a agricultura e estocar grãos. Isso fez com que os ratos se aproximassem em busca de comida fácil. E como o predador natural dos ratos são os gatos, foi um pulo para esses homens primitivos começarem a tratar os bichanos com mais carinho.

Ainda que essa seja uma relação curta em termos evolutivos, é inegável que os gatos exerceram grande influência na política mundial. No Antigo Egito, por exemplo, eles eram adorados como deuses, tanto que matar um gato era pedir para ser condenado à morte. Entretanto, com a ascensão do cristianismo na Europa, os símbolos pagãos, isto é, aqueles não ligados a Deus, passaram a ser vistos com maus olhos pela Igreja Católica. Aos poucos, diferentes crenças começaram a ser abominadas, inclusive a adoração aos gatos como criaturas divinas.

No Antigo Egito, os gatos, inclusive os pretos, eram adorados como deuses (Crédito: Reprodução)
No Antigo Egito, os gatos, inclusive os pretos, eram adorados como deuses (Crédito: Reprodução)

A perseguição foi tamanha que o Papa Gregório IX, em 1233, declarou que os gatos pretos eram a própria encarnação do diabo. Estava formada a crença de que esses animais são amaldiçoados e trazem má-sorte a quem cruza o seu caminho. Na época, os bichanos escuros passaram a ser queimados vivos tais como as pessoas acusadas de bruxaria.

Com a associação desses animais ao Tinhoso, foi um pulo para eles serem considerados os animais de estimação das bruxas, uma crença que permanece até os dias de hoje. Na Idade Média, ninguém se atrevia a ter um gato preto em casa, já que ambos iriam para a fogueira sem dó nem piedade.

Eles nem são tão assustadores (Crédito: Reprodução)
Eles nem são tão assustadores (Crédito: Reprodução)

Essa fama ruim tem impacto negativo até os dias atuais, em abrigos de animais abandonados, os gatos pretos são os menos procurados e os que mais têm dificuldade de encontrar uma família. Porém, perto do Halloween, a procura dá uma aumentada justamente porque pessoas maldosas querem praticar rituais de magia negra que necessitam de oferendas animais. Por isso, muitas ONGs aconselham que animais dessa cor não sejam doados no mês de outubro, por não se poder comprovar qual será seu destino.

Fonte: Com informações do Megacurioso
logomarca do portal meionorte..com