Saiba o que é síndrome da fome

Saiba o que é síndrome da fome

Ela está presente em até 25% da população com aumento de peso

Para quem não sabe, a síndrome da fome noturna tem como principais características o excesso de fome noturna- a hiperfagia, - que leva a um consumo alto de calorias neste período; a ausência de fome pela manhã, normalmente com pouca ingesta ou ausência de desjejum, e os problemas de sono, principalmente a dificuldade para começar a dormir (insônia inicial).

Os primeiros casos desta síndrome foram registrados na década de 50. Acredita-se que a Síndrome da fome noturna está presente em até 25% da população com aumento de peso.

O ritmo circadiano nada mais é que o equilíbrio que ocorre no nosso organismo durante a noite e o dia, ou durante o sono e a vigília e todos os ajustes que se fazem necessários em nosso corpo para que isto ocorra. E justamente aí está o problema: um descompasso entre a melatonina, os clock genes e a serotonina fazem com que as pessoas com a Síndrome da fome noturna acabam tendo fome à noite, perda do apetite de dia e problemas com o sono.

Existem várias opções de tratamento para a Síndrome da fome noturna, mas, basicamente, duas abordagens são necessárias A primeira opção é o tratamento comportamental - com psicoterapia e mudanças de hábitos de vida -, mas, em algumas situações, o endocrinologista precisa introduzir medicação.

Fonte: Minha Vida
logomarca do portal meionorte..com