Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Acesse a versão para celular
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Apresentador Marcão pede perdão após chamar Ludmilla de macaca

Marcão foi demitifo após polêmica com a funkeira em programa

Apresentador Marcão pede perdão após chamar Ludmilla de macaca
apresentador | divulgação
Compartilhe
Google Whatsapp

O apresentador Marcão que foi demitido da RecordTV na tarde desta quarta-feira (18) depois da alta repercussão de um vídeo seu no "Balanço Geral DF" da semana passada, onde ele chamou a cantora Ludmilla de 'macaca' falou pela primeira vez sobre o caso.

Na manhã desta quinta (19), ele conversou por telefone com o programa "Timeline", da Rádio Gaúcha, líder de audiência no Rio Grande no Sul, que repercutia a decisão da emissora do bispo Edir Macedo.

O apresentador Marcão
O apresentador Marcão


Na entrevista, Marcão repetiu a sua versão dos fatos e disse que não cometeu racismo, falando apenas uma expressão regional: "Eu usei uma expressão regional. A minha filha é fã de Ludmilla. Em momento algum eu quis denegrir a imagem da Ludmilla".

"O que é racismo? Eu não cometi nenhum ato de racismo. No aniversário da minha filha, eu dancei a música da Ludmilla. Se eu tivesse citado uma pessoa branca, não tinha nada disso. O problema é que as pessoas editaram o vídeo da forma que quiseram para denegrir a minha imagem. Nós que fomos criados no interior do Centro-Oeste falamos isso", bradou.

"Não sou eu que estou dizendo que é uma expressão. Se você entrar no Google, no dicionário, em qualquer lugar, as pessoas falando na internet, vai ver que é uma expressão dita no Norte, Nordeste, Centro-Oeste... Eu não inventei isso, não sou de fazer isso, como fizeram comigo nesse caso. Se eu tivesse sido fascista, eu teria disto 'essa macaca'. Eu falei 'pobre macaco', como eu também sou 'pobre macaco'.... Porque ninguém falou de mim?", questionou.

Ludmilla
Ludmilla


Mesmo assim, em um dado momento, Marcão criticou a decisão de Ludmilla em processá-lo: "A cantora está muito em baixa no Brasil atualmente. Ela vive de processos hoje".

Depois, ele disse novamente que sua filha sonha em conhecer a funkeira, pedindo novamente desculpas pelo ato e avisando que quer se encontrar com a cantora.

"Eu peço perdão à cantora. Eu peço perdão. Ludmilla, eu tô aqui pra dizer que jamais tive a intenção de denegrir a sua imagem. Nós somos seus fãs. O sonho da minha filha é te conhecer. Então me perdoe, de coração. Perdão a você e seus fãs", afirmou o apresentador.

Por fim, Marcão contou que ainda não assinou a recisão com a RecordTV e tenta reverter o quadro, pois não errou e notificou a emissora dizendo que quer continuar.

"Eu ainda não assinei o distrato com a Record, até porque não houve nenhum erro de minha parte. Eu notifiquei a empresa dizendo que tenho muito interesse em continuar na emissora, estou à disposição da empresa. Eu ainda estou aguardando uma decisão, estou à disposição. Sou um cara muito grato a eles, me deram tudo. É uma empresa maravilhosa e tenho que orar para que eles me coloquem de volta", finalizou.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto