Apunhalados pelas costas: Confira algumas puxadas de tapete na TV

Mara Maravilha é acusada de tentar puxar o tapete de dois colegas


Climão no SBT! Mara Maravilha teve seu nome mais uma vez envolvido com polêmicas. A ex-apresentadora infantil foi acusada de tentar puxar o tapete de dois colegas do SBT.

Sílvio Santos revelou que a morena pediu a saída de Leo Dias do programa 'Fofocalizando', e Carlinhos Aguiar disse que Mara foi responsável por sua demissão.

Alguns apresentadores brasileiros também já foram vítimas das puxas de tapete e alguns deles têm muita mágoa guardada até hoje.


Britto Jr, por exemplo, acha que foi prejudicado pelo diretor de 'A Fazenda', que não deixava ele fazer seu trabalho direito. Fora do ar desde 2015, ele ainda aproveita para criticar o programa e o atual apresentador, Roberto Justus, frequentemente em suas redes sociais.

Ainda na Record, Ana Hickmann e Chris Flores não se bicavam, até que a emissora anunciou que trocaria todos os apresentadores do Hoje em Dia, às vésperas do Natal de 2014. Chris levou a pior, mas disse que o episódio foi bom para "ver quem é quem e separar o joio do trigo" entre os ex-colegas de trabalho.


Relembre alguns casos de puxada de tapete na TV

Nadja Haddad e Paloma Tocci.

Em 2013, Nadja Haddad apresentava o programa Zoo, na Band. Quando saiu de férias, foi substituída por Paloma Tocci, que logo começou a mexer seus pauzinhos para tentar ficar permanentemente no comando do programa. Na época, Paloma negou e disse que apenas cumpria ordens da Band. Mas o fato é que Nadja realmente nunca mais voltou para o Zoo, e a jornalista foi efetivada na apresentação.

Paloma ainda foi âncora do Café com Jornal e plantonista do Jogo Aberto e do Band Esporte Club antes de se tornar apresentadora fixa do Jornal da Band, em 2015. Nadja, por sua vez, foi para o SBT em 2013 e é jurada do Programa do Ratinho.



Hoje em Dia - Chris Flores e Ana Hickmann

Sem aviso prévio, em dezembro de 2014, os apresentadores Chris Flores, Celso Zucatelli e Edu Guedes foram dispensados do Hoje em Dia e trocados por outros três profissionais: Ana Hickmann, César Filho e Renata Alves . Ticiane Pinheiro entrou seis meses depois. Os três ficaram sabendo apenas após a última gravação antes do Natal e nem puderam se despedir.

Na época, ainda havia uma forte rixa entre Chris e Ana. As duas não se entendiam no Hoje em Dia e, nos primeiros anos em que trabalharam juntas, Chris achava que Ana não queria dividir espaço com ela. A ex-modelo, por outro lado, dizia que a colega falava mal dela e era ingrata. O marido de Ana chegou a proibir a mulher de dividir o palco com Chris.

As duas de fato nunca mais trabalharam juntas. Chris Flores voltou ao Hoje em Dia para participações especiais e para substituir a rival durante férias, em junho de 2016. Ela saiu da Record em setembro do ano passado e hoje apresenta reality shows no SBT. A ex-modelo continua no Hoje em Dia.



Britto Jr.

Britto Jr. até agora não superou a saída traumática de A Fazenda, reality que apresentou durante sete temporadas. Em 2015, ele foi substituído por Roberto Justus e ainda guarda mágoas do diretor do núcleo de reality shows da Record, Rodrigo Carelli.

Britto já afirmou diversas vezes, em suas redes sociais, que era censurado, xingado e boicotado pelo diretor enquanto comandava as edições. Ontem (22) mesmo, alfinetou Carelli e o programa: "Só sobraram BBBs. É o diretor, querendo ser o Boninho", disse no Twitter.

O apresentador está fora do ar desde 2015, quanto o Programa da Tarde foi extinto. Seu contrato com a Record chegou ao fim em dezembro de 2016. Já Justus comanda sua segunda edição de A Fazenda e também é apresentador oficial do Power Couple Brasil.


Raul Gil

Atualmente no SBT, Raul Gil acredita que foi prejudicado enquanto trabalhou na Record e na Band. Em entrevista ao programa Sensacional, da RedeTV!, em 2015, ele afirmou que uma mesma pessoa (que não quis revelar o nome) tentou tentou puxar seu tapete nas duas emissoras.

Gil disse que tinha salário de R$ 1 milhão na Record, o que incomodava esse "colega". "Ganhava muito dinheiro, ele tinha inveja, dor de cotovelo. [Meu salário] Ia para R$ 1,2 milhão. Esse cara falou para o bispo: 'Vocês são loucos? Tenho um cara bonito e jovem para colocar no lugar do Raul Gil, que já tem idade'. Então colocaram o Márcio Garcia", contou.
O embate seguiu na Band. "Fui para lá e depois de cinco anos ele também foi. E disse as mesmas coisas. Mas ele foi mandado embora da Record e da Band por ter feito isso e nem sei onde ele está agora", disse Gil. O apresentador também acusou a Globo de oferecer transmissões de futebol para a diretoria da Band exibir no horário de seu programa, que ia bem de audiência.



Keila Lima e Regina Volpato

Em agosto de 2011, a direção da RedeTV! decidiu trocar Keila Lima por Regina Volpato na apresentação do programa Manhã Maior. A emissora ofereceu uma vaga de repórter para Keila, que recusou.

Em seu último dia no programa, a apresentadora tirou o ponto eletrônico para se despedir do público e deu suas alfinetadas. Keila disse que trabalhava com pouco recursos e falou sobre a colega de estúdio, Daniela Albuquerque: "Quando me designaram para ensinar você, pensei: 'Será que vou conseguir?'". 

Regina Volpato, por sua vez, apresentou o Manhã Maior e o Se Liga, Brasil na emissora, da qual saiu em 2013. Ela voltará à TV ar em janeiro de 2018 como apresentadora substituta do Mulheres, na Gazeta, , enquanto Keila Lima apresenta um programa na Rede Gospel de Televisão. Daniela Albuquerque, mulher de um dos donos da RedeTV! (Amilcare Dallevo) é a única que continua na emissora.


Christiane Pelajo e William Waack

Em outubro de 2015, Christiane Pelajo foi afastada do Jornal da Globo e não teve nem tempo de se despedir dos telespectadores. Foi o próprio colega dela de bancada que exigiu sua saída. William Waack disse, em reunião com editores da Globo, que só renovaria seu contrato se o telejornal tivesse um novo formato, com mais análises de economia e política e um único apresentador: ele mesmo.

A Globo negou a informação e disse que Christiane se dedicaria a um novo projeto _ela estava no jornalístico havia dez anos. Desde então, apresenta o Edição das 16h, na GloboNews. Waack foi afastado do Jornal da Globo no último dia 9, após comentários racistas que fez em novembro de 2016 vazarem na internet



Fabiola Gadelha e Luiz Bacci

Quando Luiz Bacci voltou para a Record, em abril de 2015, após fracassar na Band, a situação ficou ruim para Fabiola Gadelha. Ela era apresentadora do Balanço Geral Manhã havia apenas cinco meses, e com o retorno do "Menino de Ouro" foi obrigada pela diretoria da emissora a ceder seu lugar para ele. Na ocasião, Bacci pegou também a vaga de William Travassos na apresentação do SP no Ar.

Fabiola falava abertamente sobre a puxada de tapete do "colega" nos bastidores e até se recusou a gravar uma pegadinha do programa de Gugu Liberato ao lado de Bacci. Ela considerava Bacci seu amigo, e os dois só foram vistos juntos novamente em março desse ano, em um quadro do Programa da Sabrina, e em setembro, durante o velório de Marcelo Rezende. 


Fonte: Notícias da TV
logomarca do portal meionorte..com