Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Em rede social, William Bonner exibe seu Volkswagen Gol GT de 1986

Nos comentários, os fãs do jornalista elogiaram a relíquia

Em rede social, William Bonner exibe seu Volkswagen Gol GT de 1986
|
Compartilhe
Google Whatsapp
Siga-nos

Pouca gente sabe, mas o apresentador William Bonner é um apreciador de carros antigos. No último final de semana, ele repetiu o ritual de muitos colecionadores e tirou seu possante da garagem. Só que resolveu mostrá-lo em sua conta no Instagram. E aí muita gente descobriu que o jornalista tem um Gol GT.

Bonner publicou uma foto dirigindo o possante, uma sequência de imagens com detalhes do veículo, muito bem conservado, e um vídeo com o ronco do motor. "A voz da experiência", escreveu.

Nos comentários, os fãs do jornalista elogiaram a relíquia. “Muito bom gosto”, “Um carrão desses, bicho” e “Perfeito”. "Estou surpresa, Bonner é gente como a gente", brincou uma seguidora. "Isso que eu chamo de relíquia!", elogiou outro seguidor.

Veja também

ver mais de "William Bonner "


VEJA HISTÓRICO DO ESPORTIVO


O esportivo nacional é de 1986, último ano de fabricação do modelo lançado dois anos antes. Aquele não era um "Golzinho" qualquer: além do motor 1.8 refrigerado a água, ele trazia molas novas, amortecedores mais firmes, barra estabilizadora de maior diâmetro e freios redimensionados.

A estrela maior, porém, era o comando de válvulas do Golf GTi europeu. Resultado: o GT rendia 99 cv e 14,9 kgfm de torque máximo, suficientes para levá-lo de 0 a 100 km/h em 9,7 segundos e atingir a velocidade máxima de aproximadamente 180 km/h. 

O visual teve atenção especial com faixas pretas, rodas de liga leve de 14 polegadas, ponteira dupla de escapamento (com um ronco bem encorpado) e um enorme adesivo "GT" no vidro traseiro. Por dentro, o carro oferecia bancos Recaro, conta-giros, painel com novos grafismos e volante de menor diâmetro.

A trajetória do GT, porém, foi breve: ele saiu de linha em 1987, substituído pelo Gol GTS — que já trazia o visual reestilizado do restante da linha.

Foi o Gol GT, porém, que abriu caminho para a dinastia de versões esportivas do Gol, marcada posteriormente pelo Gol GTi, o primeiro carro nacional a sair de fábrica com injeção eletrônica. Até carro-conceito se inspirou no clássico esportivo: o Gol GT Concept foi uma das sensações do Salão do Automóvel de 2016.








Visualizar esta foto no Instagram.









A pedidos.

Uma publicação compartilhada por  realwbonner (@realwbonner) em






Visualizar esta foto no Instagram.









A voz da experiência.

Uma publicação compartilhada por  realwbonner (@realwbonner) em


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Siga-nos

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar