Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Marília Gabriela comenta beijo gay do filho: 'Assustador é o preconceito'

"Quero que meu filho leve uma vida plena", apontou Gabi

Marília Gabriela comenta beijo gay do filho: "Assustador é o preconceito"
Marilia | Reprodução
Compartilhe

Marília Gabriela foi direta ao comentar o beijo que o filho Theodoro Cochrane deu em outro homem durante o Carnaval. A apresentadora que no último final de semana deixou o SBT falou sobre o assunto durante a coletiva de imprensa da peça "Vanya e Sonia e Masha e Spyke", protagonizada por ela, nesta quarta-feira (25), em São Paulo.

"Acho que essa é uma história antiga porque foi no Carnaval. Eu tenho um filho que se chama Theodoro Wallace de Toledo Cochrane, ele tem 36 anos de idade, tem ótima formação, é inteligente, maduro, cidadão e tem direito a viver integralmente sua vida", iniciou a entrevistadora. Ao sair em defesa do filho, Marília foi direta e enfática: "Assustador para mim é ignorância, desonestidade, preconceito, homofobia e outras fobias".

Apresentadora lembrou casais homossexuais em novelas

Durante a conversa com a imprensa, a ex-mulher de Reynaldo Gianecchini citou os personagens gays em tramas da TV Globo. "Vivemos uma época em que eu pensava que isso já estaria ultrapassado. A partir do momento que a maior empresa de comunicação do Brasil, que é a Globo, coloca no ar a nossa elite artística fazendo beijos, casamentos gays...", recordou a jornalista.

"Fernanda Montenegro está para estrear com Nathalia Timberg, Regina Duarte. Mateus Solano, Thiago Fragoso deram um show, quem mais? Zé Mayer está lá ...", enumerou Marília citando o beijo que os atores deram no capítulo final de "Amor à Vida" e o personagem homossexual da novela "Império". E a apresentadora foi além: "Esta é uma discussão e uma repercussão idiota, não teria nem porque repercutir. Me parece que a maior empresa de comunicação avaliou o comportamento: isso pode".

'Quero que meu filho leve uma vida plena', apontou Gabi

Ainda comentando o assunto, a entrevistadora fez referência à antiguidade. "Aliás, podia desde a Grécia antiga. É que lá não tinha paparrazzo e nem site de fofoca. E ainda bem, senão não teríamos tido a idade áurea da Grécia. Nao teríamos a grande filosofia e literatura que tivemos. O pessoal estaria preocupado em fofoca", analisou.

Em seguida, Marília Gabriela retomou à questão do beijo que o filho deu. "Para mim é assunto de ontem. Foi uma fotografia roubada, que repercutiu por algum motivo escolhido no meio de uma farra total". E aproveitou para citar nas entrelinhas o "BBB15". "E nós hoje vivemos épocas em que existe um reality com sexo ao vivo. É só sexo", apontou fazendo referência ao casal Talita e Rafael, que já dormiram embaixo do edredom várias vezes.

"Estou mais preocupada com a desonestidade, mentira, incorreção das pessoas. A maldade. Só isso. O resto, quero que meu filho leve uma vida plena. Ele, você, e todo mundo merece", finalizou a apresentadora que recusou entrevistar o deputado federal Marco Feliciano, conhecido por suas declarações contrárias ao casamento entre pessoas do mesmo sexo.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar