Marina Ruy Barbosa lembra que fez casamento budista em segredo

Atriz revela todos detalhes da sua segunda cerimônia de casamento

Com casamento marcado para outubro, Marina Ruy Barbosa promete ser a noiva do ano - e é a capa da edição 2017 da Vogue Noiva, que começa a chegar às bancas nesta quarta-feira (24). Fotografada por Gil Inoue, com edição de moda de Alexandra Benenti e beleza de Silvio Giorgio, ela foi entrevistada por Victoria Ceridono e revelou detalhes sobre a cerimônia.

A atriz, que soma nada menos que 18,5 milhões de seguidores no Instagram, conheceu no réveillon de 2015 para 2016 o empresário Xande Negrão e de cara não teve dúvidas de que era com ele que iria se casar.

Marina vai vestir um Dolce & Gabbana para subir ao altar, cercada por todas as atenções especiais que Domenico Dolce e Stefano Gabbana costumam dar às suas clientes fiéis). Ela também usa vestidos da grife italiana na capa da revista.

Marina conta que o ensaio de capa desta edição não foi sua primeira experiência com vestidos de noiva. "Já tinha usado na ficção algumas vezes…", lembra, em conversa em Nova York, onde ela passou uma semana descansando com Xande no início de maio.

É nítida sua empolgação com o papel de noiva fora das telas: madura, aos 21 anos não tem dúvidas de que encontrou o homem de sua vida.

O pedido de casamento aconteceu com seis meses de namoro. O anel foi da designer Andrea Conti. A ideia de Xandinho era fazer a surpresa durante um jantar na praia do hotel em Koh Samui, na Tailândia, com o pedido escrito na areia.

Marina teve uma insolação na véspera, chegou a desmaiar, e quase tiveram de cancelar tudo. "Passeio dia no quarto me recuperando, porque o Xandinho insistiu que o jantar para comemorar seis meses de namoro era muito importante", conta a atriz, rindo.

Ele a levou até o lugar com os olhos vendados, para que não visse a mensagem antes da hora, e então leu uma carta que escreveu para a ocasião. Ao fim, disse: "Tem uma coisa que é melhor você ler do que eu falar", e tirou a venda. A reação de Marina? "Eu chorei!"

O que pouca gente sabe é que eles já se casaram, no dia seguinte do pedido, em uma cerimônia budista na Tailândia. "Essa parte não contamos na época para ninguém, apenas para nossas famílias algum tempo depois", diz Marina.

Comandada por dois monges budistas na praia, a celebração incluiu buquê, votos, bênção e sessão de fotos, além de vestido branco e penteado improvisado pela noiva.

No Brasil, o casal planeja fazer uma cerimônia religiosa bem íntima na capelinha da fazenda da família do noivo em Goiás, apenas para os parentes dos dois. Poucas semanas depois, acontece a grande festa, em Campinas, na casa dos pais de Xandinho, onde ele cresceu.

"Muita gente pergunta se não me acho nova para casar, mas quem nos conhece vê que não estamos brincando. Sempre fui muito família, muito canceriana, sempre gostei da ideia de encontrar alguém para construir sonhos. E o Xandinho me completa muito”, diz

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações da Revista Vogue