Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Netflix e Porta dos Fundos sofrem boicote de religiosos

O novo especial do Porta dos Fundos, a comédia A Primeira Tentação de Cristo se envolveu em polêmica

Compartilhe
Google Whatsapp

A Netflix está no olho do furacão ultimamente. Depois da animação Super Drags, que conta a história de três jovens que trabalham durante o dia em uma loja e a noite são Lemon Chiffon, Safira Cian e Scarlet Carmesim, três drag queens que lutam conta o crime na cidade, agora outro streaming está no meio de uma polêmica. A notícia está no site O Fuxico.

Trata-se do novo especial do Porta dos Fundos, a comédia A Primeira Tentação de Cristo. Grupos religiosos não estão aceitando o tema abordado e pedem boicote à produção. No vídeo, eles sugerem que Jesus Cristo teve uma relação homoafetiva quando estava no deserto e teve um triângulo amoroso entre José, Maria e Deus.

Reprodução / Instagram

O vice-presidente da União dos Juristas Católicos de São Paulo (UJUCASP) e advogado Paulo Henrique Cremoneze alegou que o filme traz atos blasfemos à liberdade religiosa.“A atitude do Porta dos Fundos fere a liberdade religiosa e deforma profundamente o autêntico conceito de arte. 

Os cristãos de todas as confissões devem se unir em defesa dos valores fundamentais da fé e expor seu veemente repúdio ao filme, ao Porta dos Fundos e a própria Netflix”, disse. As informações são do portal religioso Pleono News.Cremoneze ainda pediu para que todos cristãos boicotem a plataforma de vídeo e demais empresas que têm os humoristas como garotos propagandas. 

Além dele, o deputado federal Marco Feliciano também demonstrou insatisfação com o conteúdo e revelou que já processou o grupo de comediantes anos atrás. Agora, ela quer um “basta”.“Cristãos e não cristãos me cobram atuação contra os irresponsáveis do Porta dos Fundos. Em anos anteriores já os processei, mas a “Justiça” diz q é liberdade de expressão. Está na hora de uma ação conjunta das igrejas e pessoas de bem para dar um basta nisso. Unidos somos fortes!”, disse em um post. 


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se