Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Festival Fartura oferece lives de economia criativa e capacitação

Confira a programação do evento on-line que acontece entre os dias 19 e 21 de junho

Festival Fartura oferece lives de economia criativa e capacitação
Festival tem atração musical | Divulgação
Compartilhe

O Festival Fartura de 2020 se reinventou e vai ser o primeiro evento de gastronomia e cultura on-line do país. Entre os dias 19, 20 e 21 de junho, o Brasil inteiro terá acesso a 48 horas de programação e, seguindo seu DNA de fomento à toda cadeia produtiva gastronômica, em parceria com o Sistema Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais), o Fartura oferece uma série de lives de economia criativa sobre diferentes setores do agronegócio, onde começa todo prato culinário, além de cursos de capacitação em parceria com o SENAC. Todo o conteúdo poderá ser acessado no site: www.farturabrasil.com.br.

A live "Porque investir em agronegócio o motor da economia brasileira?", conta com a participação de Silvana Novaes, superintendente do Sistema Faemg, maior federação de agricultura e pecuária do Brasil; Paulo Sérgio Alves Justino, CEO da FCJ Venture Builder, uma das principais empresas de investimento anjo do país e também com o empresário Leonardo Dias, CEO da empresa Novagro Ventures, fundo de investimento em soluções tecnológicas para o agronegócio. O debate será mediado por Gisele Ramos, influenciadora digital dona do perfil Jornada de Empreendedores e especialista em empreendedorismo e inovação e acontece na sexta-feira, às 13h.

Em parceria com o Sesc, o festival vai oferecer conteúdos fixos na plataforma. Em "Meu Negócio para Chamar de Seu", uma dinâmica colaborativa entre Facundo Guerra, empresário e CEO do Grupo Vegas, e Lisiane Lemos, listada pela Forbes uma das principais jovens lideranças que fazem a diferença no país e como uma das mulheres negras mais influentes do mundo pela ONU, vai apresentar dicas estratégicas para empreendedores. Usando suas experiências pessoais, os convidados discursam sobre os desafios de cada negócio, dão ideias de colaboração entre setores e alternativas durante e pós pandemia, mediados pela jornalista e atriz Fernanda Ribeiro.

Ainda falando sobre empreendedorismo, faz parte da parceria o curso de capacitação Empreendedorismo em Agronegócio, que foi dividido em três módulos de como fazer e empreender com espetinhos de carne em aulas ensinadas pelos profissionais Bruno de Oliveira e Ronie Peterson. Ainda visando expandir o raio de conhecimento, em oferecimento da Seatech Segurança Alimentar, o curso Boas Práticas para Manipuladores de Alimentos vai abordar os conteúdos exigidos na RDC 216 ANVISA.

O Festival Fartura de 2020 também vai levar uma programação intensa com música, teatro, conteúdo infantil, vídeos de DIY e, claro, o melhor da gastronomia brasileira representada por renomados chefs mineiros. Confira a programação completa do Festival Fartura de 2020 no link.

SOBRE A PLATAFORMA FARTURA - COMIDAS DO BRASIL

A Plataforma Fartura - Comidas do Brasil tem o objetivo de mapear o caminho do ingrediente, da sua origem até o prato, a fim de disponibilizar conhecimento ao público - em forma de conteúdo e experiência - e criar conexões entre os integrantes dessa cadeia. A Plataforma Fartura consiste em: Expedições Fartura: viagens que já percorreram mais de 77 mil km em todo o território nacional levantando as histórias, personagens, ingredientes e receitas. Foram 276 cidades visitadas e cerca de 650 fontes entrevistadas. Conteúdo gastronômico: o conhecimento é disponibilizado no site e redes sociais, premiados vídeos e livros, programas de rádio e em projetos customizados. Festivais Fartura: a celebração do projeto são os festivais, nos quais há o encontro entre produtores, chefs e estudiosos da gastronomia com o público. Os eventos acontecem em nove cidades: Belém, Brasília, Porto Alegre, São Paulo, Tiradentes, Belo Horizonte, Conceição do Mato Dentro, Fortaleza e também fora do Brasil, em Lisboa. Até 2019, os festivais receberam mais de 850 mil pessoas, que se deliciaram com os mais de 2 milhões de pratos servidos. Além disso, foram 3.300 atividades gastronômicas e 1.265 apresentações culturais.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar