Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Prêmio destina R$ 19,1 milhões e contempla mais de 700 iniciativas

O edital beneficia as áreas de artes cênicas, audiovisual, literatura, patrimônio, música, entre outros.

Prêmio destina R$ 19,1 milhões e contempla mais de 700 iniciativas
Premiação | Divulgação
Compartilhe

O fazer cultural no Piauí, assim como em todos os locais, foi afetado pela pandemia do novo coronavírus. Diante disso, a Lei Aldir Blanc foi aprovada no Congresso Nacional para amenizar os impactos no setor que atingiu todo o país. A Secretaria de Estado da Cultura (Secult) divulgou, na sexta-feira (27), o resultado final do edital do Prêmio Maria da Inglaterra, que contemplou 712 projetos dos mais diversos segmentos no Piauí.

Um dos premiados foi o Espaço Cultural Luar do Brasil, da cidade de Teresina, que vai receber R$ 200 mil para produzir e apresentar seus espetáculos de artes cênicas relacionados ao folclore nordestino. O objetivo do espaço cultural é promover apresentações de dança, música e encenações tipicamente nordestinas, além da formação em artes cênicas voltadas às manifestações culturais populares.

A proposta de ocupação foi aprovada na Categoria C do edital Prêmio Maria da Inglaterra e prevê realização de apresentações do espetáculo de dança folclórica Sou Nordeste, Sou Luar nos espaços culturais e casas de espetáculos vinculados à Secult.

“Em decorrência da pandemia da Covid-19, o projeto da CIA de Dança Luar do Brasil foi suspenso. Estávamos na fase de pré-produção, quando as atividades foram suspensas. Em nosso cronograma de 2020 iríamos realizar a circulação do espetáculo a partir do mês de agosto deste ano, o que foi frontalmente afetado pela pandemia, causando enormes prejuízos ao projeto. Nossa esperança para 2021 é de levarmos o folclore nordestino de norte a sul do Piauí. A premiação realizada por meio do Edital Maria da Inglaterra possibilitará o retorno gradual das atividades, obedecendo aos protocolos de prevenção à Covid-19, de modo que possamos revitalizar e manter viva nossa cultura popular nordestina”, conta Eduardo Henrique, presidente da Associação Cultural Junina Teresina Show.

Ao todo, o edital dispõe de R$ 19,1 milhões para as áreas de artes cênicas, audiovisual, literatura, patrimônio, música, entre outros. Dos contemplados, foram 578 na categoria A, 119 na categoria B e 15 premiados na categoria C.

“O edital teve como foco artistas, trabalhadores da cultura, iniciativas e espaços culturais. Fomentar a cultura é incentivar a união e identidade de um povo, e com este edital tivemos oportunidade de ver a amplitude de iniciativas contempladas no Piauí e dos mais diversos segmentos”, afirma o secretário de Estado da Cultura, Carlos Anchieta.

O informativo sobre a execução financeira do prêmio está disponível em: http://www.cultura.pi.gov.br/lei-aldir-blanc/



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar