Consagrada como uma das maiores bandas de rock nacional, os Titãs realizaram na noite desta sexta-feira (1º) um espetáculo no Centro de Convenções de Teresina (CCT), situado na zona Norte da capital.

Sérgio Britto, Branco Mello e Tony Bellotto, Beto Lee e Mário Fabre montaram um repertório repleto de sucessos e criações semifinais da banda que completa 40 anos de história. No show Trio Acústico, que recebe o nome do 16º álbum do grupo, os Titãs fizeram uma apresentação intimista e ao mesmo tempo grandiosa para o público no Pavilhão Delta.

Além de violão, bateria, piano e guitarra acústica, os músicos cantaram as mais bonitas e complexas canções munidos de emoção. Como em um reencontro de velhos amigos, nos intervalos entre as canções a banda incrementou conversas, compartilhou momentos e deu risadas com o público. 

O baixista Branco Mello comemorou seu retorno às atividades após passar sete meses afastado devido o tratamento de câncer de hipofaringe. O artista agradeceu o carinho dos fãs e colegas de trabalho durante a apresentação. “É como recomeçar lentamente. Ainda estou com a voz um pouco afetada, mas isso não me impede de tocar”, falou.

Branco Mello está de volta aos palcos (Foto: Victor Melo)Branco Mello está de volta aos palcos (Foto: Victor Melo)

Apesar de todas as mudanças na formação da banda, os Titãs mostraram que conseguem sobreviver e manter intacto o espírito do rock e a qualidade das obras que ultrapassam gerações. Nos primeiro acordes de “Go Back”, os músicos lançaram um alto “Viva Torquato” como forma de homenagear a contribuição do poeta piauiense Torquato Neto na música popular brasileira. “Enquanto houver Sol”, enfatizou Tony Bellotto, foi dedicada aos profissionais da saúde que atuaram na linha de combate à pandemia da Covid-19.

“Estar de volta aos palcos após o momento crítico da pandemia é um presente, quer dizer, é um presente chegar para tocar e encarar um público tão carinhoso e que canta todas as nossas músicas”, disse Sérgio Britto.

Titãs celebram 40 anos de sucesso em Teresina (Foto: Victor Melo)Titãs celebram 40 anos de sucesso em Teresina (Foto: Victor Melo)

Se a banda já tinha um lugar cativo na memória dos piauienses, o trio musical definitivamente ganhou ainda mais espaço no coração dos fãs. O grupo paulistano mais uma vez se reinventou no palco, frente a seu grande e crescente público.

“É minha primeira vez no show do Titãs, sou fã, são músicas que marcaram minha vida e eles são um grupo que eu admiro demais pela força de vontade de tocar no Brasil todo e ainda continuar com canções de sucesso”, falou o servidor público Marcones Barreto.

A enfermeira Rose Santana parecia surpresa e emocionada com a apresentação. “Sou fã desse a adolescência, hoje é um momento de realizar um sonho guardado dentro de mim e eu estou imensamente feliz e encantada”, contou.

Na apresentação, os Titãs interpretaram músicas que marcaram as quatro décadas de carreira do conjunto e, ao mesmo tempo, relembraram o grande sucesso do álbum Acústico MTV, gravado em 1997. Os seus principais hits, “Epitáfio”, "Enquanto Houver Sol”, “Sonífera Ilha, “Marvin” e “Porque eu sei que é amor” ganharam um coro bonito e emocionado.

Um espaço para chamar de nosso

A jornalista Maia Veloso acredita que o novo Centro de Convenções de Teresina (CCT) é um marco para a cultura piauiense. Em quatro meses, o amplo espaço situado na Avenida Marechal Castelo Branco já realizou mais de 30 eventos desde a sua reinauguração.

“É um marco que vai nos trazer preciosidades como Titãs e espetáculos para todas as idades e para todos os gostos. Eu acho que a gente vive uma diversidade cultural no mundo e a gente precisa desse espaço multicultural que é ímpar e, acima de tudo, oferece estrutura, qualidade e segurança. Eu acho que toda cidade tem que ter um Centro de Convenções para chamar de seu”, explicou Maia.

Wrias Moura, diretor do Centro de Convenções de Teresina (Foto: Victor Melo)Wrias Moura, diretor do Centro de Convenções de Teresina (Foto: Victor Melo)Wrias Moura, diretor do Centro de Convenções de Teresina, acrescenta que o espaço busca implantar diversidade na programação e qualidade em todos os serviços. Ele adiantou que o estacionamento do CCT vai receber eventos com capacidade de até cinco mil pessoas.

"A gente traz show gospel, de humor, infantil, orquestra, MPB e feiras, fazendo com que a população possa experimentar dinâmicas artísticas diferentes na cidade. Estamos preparando uma programação no mês de julho bem diferenciada, mas repetindo a agenda mensal de shows de MPB e outros espetáculos, além da novidade da nova arena no estacionamento”, disse Wrias.