Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Toada planeja execução dos primeiros eventos

Organizadores organizam festival de jazz em Tereisna

Toada planeja execução dos primeiros eventos
Stefano Ferreira | Raissa Morais
Compartilhe
\"Lançamento
Lançamento do Toada (Crédito: Raissa Morais)

Um conceito que vai revolucionar a cena cultural do Piauí. Depois do lançamento, quando foi apresentado à sociedade, o coletivo Toada já tem eventos programados para cidade. Segundo o curador Stefano Ferreira, trata-se de um projeto que abrange todas as manifestações culturais. “Estamos planejando os primeiros eventos e para o início de 2019, está programado um festival de jazz, durante o mês de janeiro, em Teresina, que envolverá restaurantes da capital”, explica, enfatizando que a proposta é democratizar o jazz.

Segundo Stafano, a proposta é expandir e levar atrações do festival para shopping, para área pública no centro de Teresina. “Nosso plano é fazer encerramento num grande lounge na Potycabana”, diz.

\"Stefano
Stefano Ferreira (Crédito: Raissa Morais)


Na área de música, a primeira ação do Toada pretende sensibilizar a população a dialogar com o patrimônio da cidade. “Há muitos artistas que tocam jazz na cidade e precisamos trabalhar no sentido de valorizar esses profissionais”, comenta, afirmando ainda que o coletivo Toada é uma forma de chamar a atenção das pessoas para que elas possam olhar para cidade. “Para isso, vamos ocupar os espaços públicos não utilizados com ações artísticas e a população voltará a conviver nesses espaços”, garante.

Com o apoio do Sistema Meio Norte de Comunicação, Toada é um espaço colaborativo, produzido com parceiros e envolvimento de empresas e entidades públicas. “Estamos em fase de planejamento”, diz o curador, enfatizando que cada evento realizado será bem planejado com a finalidade de proporcionar cultura, entretenimento e valorizar o fazer cultural do Piauí.

Toada não é só música, tem exposições, bienais, mostras e, segundo Stefano, muitas exposições que circulam por Rio e São Paulo, geralmente quando vêm ao Nordeste, ficam por Recife, Salvador e, por isso, ele diz que haverá esforço para trazer essas mostras para capital piauiense, colocando Teresina no circuito das artes.

O coletivo Toada é um projeto da Kalor Produções em parceria com a Entrecultura, com apoio do Sistema Meio Norte de Comunicação, que terá como foco mostrar a música, a dança, a gastronomia, realizar festivais e bienais.

“Planejamos um calendário anual na capital, com expansão para outras cidades do estado, como Parnaíba, Luís Correia, Barra Grande, Cajueiro da Praia, além de outras regiões central do Piauí. Além da programação cultural, Toada fará um diálogo com o setor de turismo.

Centraliza

Teresina

Segundo Stefano, outro projeto em fase de elaboração é o Centraliza Teresina, que pretende mobilizar, através da arte, a volta da população ao centro da capital nos finais de semana. A cada bimestre, com apoio dos órgãos públicos, o plano é fazer grande mobilização de valorização do centro, com shows e atividades com todos os equipamentos culturais, realizando feiras de antiguidades, feiras de vinil, selos, cartões postais. “Trata-se de uma feira retrô para venda de peças de decoração, artesanato e design. Queremos criar área com vários lounges, que engloba restaurantes .


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar