ALEX SABINO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Abel Ferreira, 43, assinou a renovação de contrato com o Palmeiras. O novo vínculo do treinador com o clube termina em 31 de dezembro de 2024. O acordo dura todo o mandato da presidente Leila Pereira.

O treinador já havia sinalizado estar perto do acerto para permanecer na equipe paulista. Ele foi contratado em outubro de 2020 e algumas vezes deixou entendido de que poderia sair. Citou saudades da família como um dos motivos.

"Já vos disse que os primeiros a saber serão meus jogadores. Vocês sabem a relação que tenho com os atletas. São as relações que me prendem aos clubes", disse na semana passada, quando perguntado sobre a renovação.

O novo contrato com o técnico é uma vitória política de Leila, que sofreu cobranças quanto à contratação de um novo camisa 9.

Abel Ferreira renova com o Palmeiras até 2024  Foto:  Carla Carniel/Reuters Abel Ferreira renova com o Palmeiras até 2024  Foto:  Carla Carniel/Reuters 

Abel Ferreira chegou ao Palmeiras em outubro de 2020, depois da demissão de Vanderlei Luxemburgo. Em 17 meses, o português se transformou em um dos maiores treinadores da história do clube. No período de dez meses, ganhou duas Libertadores.

A primeira, em janeiro de 2021, válida pela temporada de 2020 (que só terminou no ano seguinte em razão da pandemia de coronavírus). Foi também o primeiro título dele com a equipe. Poucas semanas depois, no início de março, o time alviverde venceu o Grêmio na final da Copa do Brasil, segundo troféu de Abel no país.

Em outubro do mesmo ano, o português alcançou o seu segundo título da Libertadores, com vitória sobre o Flamengo em Montevidéu na final, em novembro de 2021.

Em 3 de março deste ano, o treinador garantiu seu quarto título pelo Palmeiras, vencendo o Athletico-PR na decisão da Recopa Sul-Americana.