mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Apenas Sarah participa de seletiva de judô

Lesão impede Stanley Torres de participar de seletiva.

Os piauienses Sarah Menezes (-48kg) e Stanley Torres (-73kg), convocados recentemente pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ) para disputarem a terceira etapa seletiva olímpica para os Jogos de Tóquio que aconteceram em 2020, não irão juntos para esta competição. Isso porque o judoca Stanley Torres sofreu uma lesão na lombar, encerrando o ano para o atleta que busca o seu sonho olímpico. Nesta quinta-feira (13), Sarah Menezes lutará contra a judoca Ana Paula Nobre, de Santa Catarina.

A seletiva acontece desde ontem (12) e encerra hoje (13), no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas (BA).

Com a programação definida pela CBJ, que iniciou na terça-feira (11) o credenciamento dos atletas, pesagem das categorias masculinas e a reunião técnica, logo depois Ney Wilson, diretor de alta performance da seleção, explicou o processo de formação da equipe olímpica para Tóquio 2020, além do planejamento do calendário para 2019.

As lutas iniciaram nesta quarta-feira (12), somente para os judocas homens, oportunidade que Stanley Torres lutaria em sua categoria de peso-leve, até 73 kg. E nesta quinta-feira (13) será a vez das mulheres subirem ao tatame do Centro Pan-Americano, sendo que apenas Sarah Menezes, judoca olímpica, representará o Piauí neste torneio, lutando na categoria peso ligeiro, até 48 kg, contra a judoca Ana Paula Nobre, de Santa Catarina.

Stanley se destacou nos últimos torneios em que participou, principalmente no ano passado durante o Campeonato Brasileiro de Judô 2017, quando foi campeão. Ocupando atualmente a quinta posição do ranking nacional com 287 pontos, ele começa a estudar a possibilidade, junto ao seu treinador Queiroz Filho, de iniciar em 2019 com uma mudança em sua categoria e começar a fazer suas lutas na categoria meio-médio (-81kg). “Eu não tinha condições de lutar e não conseguiria dar o meu melhor na competição mais difícil do país, então, foi uma decisão muito difícil, mas foi para evitar perdas e tristezas. Estamos agora vendo a possibilidade para o ano que vem mudar a minha categoria, uma vez que 2018 não foi um ano tão promissor em questão de medalhas e vitórias, além das lesões. Então eu prefiro melhorar meu corpo para o próximo ano”, afirmou o atleta.

\"\"


A última seletiva dos Jogos Tóquio 2020, que foi representada pela 2ª etapa, aconteceu na mesma data no ano passado no mês de dezembro, no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas.

Esta terceira etapa definirá os titulares da Seleção Brasileira de Judô nas 14 categorias olímpicas de competição e vai reunir apenas os atletas que estejam entre a 2ª e 9ª posição no ranking nacional olímpico, como também atletas que não estejam entre os 18 primeiros da lista do ranking mundial da Federação Internacional de Judô (FIJ).

O evento reunirá 120 atletas do judô. Com oito judocas disputando na categoria peso ligeiro (-48kg), Sarah Menezes tenta nesta quinta-feira conquistar uma titularidade em sua categoria. Ao final, a seletiva olímpica definirá os 16 atletas que integram a Seleção Brasileira de judô que atuará no ano de 2019. 


Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail