Após 15 meses suspensa, Sharapova volta a jogar tênis

Russa estreou no WTA de Stuttgart, nesta quarta-feira (26)

Sem jogar há um ano e três meses, Maria Sharapova está de volta ao tênis profissional. E de volta em grande estilo. Com o fim de sua punição por doping exatamente nesta quarta-feira, a russa bateu a italiana Roberta Vinci por 2 sets a 0, com parciais de 7-5 e 6-3, pela primeira rodada do WTA de Stuttgart, na Alemanha.

Nas oitavas de final, Sharapova irá enfrentar agora a compatriota Ekaterina Makarova, que superou a polonesa Agnieszka Radwanska, cabeça de chave número 7 da competição alemã.

Maria Sharapova (Crédito: Getty)
Maria Sharapova (Crédito: Getty)

A russa foi punida em junho de 2016 - retroativa a janeiro daquele ano - após ter testado positivo para Meldonium em um exame antidoping. Posteriormente, o Tribunal de Arbitragem Esportiva (TAS) reduziu a suspensão para 15 meses.

Vale mencionar que o torneio começou na segunda-feira, e a punição acabou somente nesta quarta-feira. Por conta disso, a organização marcou a estreia da russa, contra a italiana Roberta Vinci, para o dia em que terminou sua suspensão. As partidas realizadas na quarta são normalmente reservadas pata as tenistas principais, cabeças de série, o que não é o caso de Sharapova.

Outra polêmica envolvendo o retorno da tenista se deu quando a alemã, Julia Görges, campeã do torneio em 2011 e que neste fim de semana ajudou a Alemanha a vencer a Ucrânia no Grupo Mundial da Copa Fed, não recebeu o wild card (convite para participar do evento) e Sharapova recebeu. A tenista russa por estar afastada das quadras não tem a colocação necessária para participar do evento.

Fonte: Com informações da Espn
logomarca do portal meionorte..com