Após não classificar a Itália para a Copa, treinador é demitido

Desde 1958 a Itália não ficava fora de uma Copa do Mundo

Dois dias depois do maior vexame da história do futebol italiano, a federação de futebol do país optou por finalmente agir e demitiu o maior culpado pela não classificação à Copa do Mundo: Gian Piero Ventura.

Segundo as redes de televisão "Sky Sports" e o jornal "Gazzetta Dello Sport", Ventura foi demitido após se reunir com a federação de futebol italiana (FIGC) nesta quarta-feira (15).

Carlo Tavecchio, presidente da FIGC, que também era considerado como um dos que poderiam pedir "o boné",  não deve renunciar. 

O técnico Giam Piero Ventura durante treino da Azzurra (Crédito: Getty)
O técnico Giam Piero Ventura durante treino da Azzurra (Crédito: Getty)

Ventura deixa a Itália dois anos após chegar no que já foi uma contratação duvidosa, já que ele foi apontado para o cargo sem dirigir nenhum time grande na vida e ter como único título a Série C em 2005.

Sob seu comando, foram 10 vitórias, 4 empates e 3 derrotas. Porém, nenhum número é capaz de explicar o vexame de não ter se classificado à Copa do Mundo no mata-mata diante da Suécia, pela repescagem das eliminatórias.

Será a primeira vez desde 1958 que a Itália não participará do Mundial.

Fonte: Com informações da Espn
logomarca do portal meionorte..com