Após o título da Copa América feminina, o Brasil voltou a entrar em campo em amistoso nesta sexta-feira (02), contra a África do Sul. Jogando em Joanesburgo, a Seleção Brasileira teve dificuldades ao longo da primeira etapa e só foi abrir o placar no fim do primeiro tempo. Apesar dos vários erros, as comandadas de Pia Sundhage venceram por 3 a 0, com gols de Geyse, Adriana e Tamires.

Logo nos primeiros minutos, o Brasil fez valer a superioridade técnica e pressionou muito a África do Sul. Mesmo sem finalizar tanto, a Seleção controlava as ações, pressionava sem a bola e buscava espaço para tentar chegar próximo ao gol. Aos oito minutos, as donas da casa erraram na saída de bola, Debinha acionou Geyse, que tentou duas vezes e a goleira defendeu. No rebote, Kathleen teve a oportunidade de abrir o placar, mas bateu para fora.

Brasil engrena no fim do 1º tempo e bate a Africa do Sul por 3 a 0 (Foto: Reprodução)Brasil engrena no fim do 1º tempo e bate a Africa do Sul por 3 a 0 (Foto: Reprodução)Quatro minutos depois foi a vez de Debinha chutar desviado após grande recuperação de Kerolin já na grande área. Aos 18, Kathleen foi lançada na grande área e cabeceou, mas a bola foi na mão da goleira Dlamini. Apesar das principais chances serem brasileiras, o time de Pia tinha dificuldades em clarear mais as jogadas. As oportunidades apareciam, mas a tentativa de sufocar o adversário foi sumindo aos poucos e os erros de passes e tentativas de inversão iam ficando mais evidentes.

Após segurar os primeiros ataques, a África do Sul começou a se lançar mais e conseguiu boas investidas. A principal, aos 28 minutos, surgiu em um grande lançamento de Ramapele, que contou com falha de Rafaelle, para Cesane tentar o domínio, mas não conseguir a finalização após chegada de Lorena. As donas da casa voltaram a encontrar a bola longa cinco minutos depois com Cesane ganhando após vacilo da zaga e tentando encobrir a arqueira brasileira, mas mandando a bola para fora.

Depois dos sustos, a Seleção Brasileira fez valer a qualidade técnica e aproveitou de Geyse para anotar um golaço aos 42 minutos. Em lançamento forte, a defesa afastou mal, a atacante dominou no peito e bateu forte para marcar um belo gol. Três minutos depois foi a vez de Debinha cruzar, a zaga sul-africana falhar novamente e Adriana bater no contrapé da goleira para fazer o segundo.

Com o resultado encaminhado, o segundo tempo trouxe um jogo com poucas emoções nos 45 minutos restantes. O Brasil manteve o domínio dos espaços e a posse de bola, enquanto a África do Sul não tinha força para tentar pressionar e avançar contra o gol defendido por Lorena. Aos 18 minutos, a Seleção colocou a última pá de cal na partida com o gol de Tamires. Antônia cruzou, a zaga tirou e Mbane tentou afastar de vez. No entanto, a virada de bola caiu no pé da lateral, que dominou e bateu para ampliar o placar.

A África do Sul até teve uma boa chance aos 38 minutos em cobrança de falta em frente ao gol, mas Magaia cobrou a esquerda do gol de Lorena. Fora isso, os dois lados mudaram bastantes os times, fizeram testes em busca de elevar a qualidade dentro de campo, mas a partida foi encerrada com a vitória sem grandes sustos do Brasil.

Ainda na série de jogos amistosos, o Brasil reencontrará a África do Sul na próxima segunda-feira (05), em Joanesburgo. O duelo também será às 13h (de Brasília).