Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Condenado por estupro, Robinho fica à disposição do Santos

A chegada do jogador, que responde na Justiça italiana pelo crime de estupro, acontece em meio a críticas.

Compartilhe

Anunciado pelo Santos no último sábado (10), o atacante Robinho apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, e fica à disposição do técnico Cuca. A chegada do jogador, que responde na Justiça italiana pelo crime de estupro, acontece em meio a críticas.

Após deixar o Istambul Basaksehir, da Turquia, Robinho, de 36 anos, chega como o novo reforço do Peixe para a sequência no Brasileirão e na Libertadores. O atleta fechou contrato de cinco meses e retorna pela terceira vez ao clube que o revelou. A última passagem foi entre 2014 e 2015.

Robinho veste camisa do Santos (foto: redes sociais)

Muitos santistas saíram em defesa da contratação do jogador. Mas não todos, é bom destacar. Houve aqueles que questionaram a contratação não pela condenação de estupro. Mas por acharem que, tecnicamente, o Robinho de 2020 não vale o investimento.

Em 2017, Robinho foi condenado em 1ª instância a nove anos de prisão pela Justiça italiana por participar de um estupro coletivo quatro anos antes. Na época, ele defendia o Milan. A vítima fora uma jovem albanesa. Por causa da condenação, o atacante está proibido de entrar na Itália ou em países com os quais o país tenha acordo de extradição automática. Ele nega ter cometido o crime. O próximo desafio do Santos é na próxima quarta-feira, contra o Atlético-GO, pelo Brasileirão.




Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar